Pai ou Padrasto da Raça Fila Brasileiro?

Amigos, como continuam as acusações levianas e falsas, continuaremos com a série de artigos para nos antepormos com argumentação lógica, exposição de FATOS e também com indagações e reflexões a respeito.

A Raça Fila Brasileiro, consoante consta em toda a grande parte da ínfima e “quase” inexistente “bibliografia” a respeito, iniciou o seu “nascimento” durante o século XVII, de forma obscura, imprecisa e muito controvertida, igual a grande maioria das demais Raças caninas..

Surgiram, ao longo da história REAL (Pós 1946) da Raça Fila Brasileiro, várias “teorias” a respeito de sua “FORMAÇÃO”, sendo que somente uma dessas teorias apresentou um documento comprobatório {Carta do Conselho dos XIX ao Conselho Político de Pernambuco, durante o domínio Holandês em Pernambuco, região Nordeste do Brasil, na qual se narrava que, através da Companhia das Índias Ocidentais, se enviava para Pernambuco uma carga marítima com 300 (trezentos) cães da Raça Dogue do Forte Race} que era a teoria do Médico, Doutor, Endocrinologista, Professor e MESTRE, Senhor Procópio do Valle, teoria essa calcada e praticamente uma “réplica” de uma outra teoria, de autoria do Doutor, Advogado, Senhor Paulo Santos Cruz, que afirmara que a Raça Fila Brasileiro, provavelmente era formada PRINCIPALMENTE pelo INTER-cruzamento entre cães das Raças Mastiff Inglês, Bloodhound e Bulldog Inglês, trazidos ao Brasil provenientes da Europa.

Diga-se também que unanimemente TODAS as teorias apregoavam que a Raça “teria” se formado de um amálgama ou intercruzamento entre cães de algumas Raças aleatoriamente, ao acaso ditado pela mãe Natureza e também com alguma significativa interferência humana.

Provavelmente a teoria de formação do Fila Brasileiro de autoria do Dr. Paulo Santos Cruz, foi deduzida e divulgada nos primórdios do surgimento da Raça Fila Brasileiro, ou seja, no período antecessor e no predecessor ao estabelecimento do Primeiro Padrão Racial do Fila Brasileiro que ocorreu no ano de 1946, quando os criadores, do então Fila Nacional, ou qualquer outro dos inúmeros e vários nomes que se usavam, se reuniram e “clamaram” pelo estabelecimento de um documento que normatizasse a criação dali em diante, reunindo as características da média do Plantel existente. Ressalte-se que naquele período (que antecedeu o estabelecimento do 1º Padrão), o Doutor PSC. já era um experiente comerciante notável e admirador da Raça Fila Brasileiro, pois ele usualmente viajava para todos os rincões do imensurável território nacional, onde comprava cães Fila Brasileiro para revendê-los, ficando ocasionalmente com um ou outro exemplar para si, durante algum tempo. Ressalte-se também que o Dr. Paulo Santos Cruz era Juiz cinófilo pelo extinto SKC (Santos Kennel Clube) e julgava Exposições por aquele Clube, portanto já era dotado de um enorme cabedal de conhecimentos cinotécnicos, os quais lhe permitiam analisar e qualificar, bem como classificar inúmeros cães de várias Raças. Ele acreditava que a Raça Fila Brasileiro houvera surgido, ou se formado, PRINCIPALMENTE do acasalamento entre cães das Raças: Mastiff Inglês, Bloodhound e o antigo Bulldogue Inglês. Outra dessas teorias era a apresentada pelo Doutor, Professor e Mestre, Médico, Endocrinologista, Criador de FB, Sr. Procópio do Valle, cuja teoria afirmava que as outras três teorias, existentes por volta de 1981, estavam corretas em suas essências, porém, excluía a importância, no “amálgama” defendido por alguns dos demais, da Raça Fila Terceirense em virtude da característica do tal “rabo torto” (cauda torta), característica essa que não estava apresentada pelos Filas naquela ocasião, bem como, ele (Dr. Procópio) incluía a importantíssima contribuição dos cães da Raça Dogue do Forte Race, baseando-se no documento FACTUAL que era a carta enviada pelo Conselho dos XIX ao governo Holandês, sediado em Pernambuco, avisando do envio, por transporte marítimo, de cerca de 300 (trezentos) cães da citada Raça para o Brasil, através da Companhia das Índias Ocidentais, com a finalidade de auxiliarem as tropas holandesas sediadas no (hoje) Estado de Pernambuco, tropas essas que estariam sendo atacadas pelos nacionais residentes e pelos portugueses aqui radicados.

FATO: O Dr. PSC em 1946, convidado pelo Kennel Clube Paulista (clube já extinto) para, juntamente com alguns outros cinófilos com destacado conhecimento cinotécnico, elaborar um Padrão Racial para o Fila Brasileiro, objetivando se unificar os critérios para uma criação melhor dirigida, bem como, para estabelecer parâmetros para o Julgamento do Fila Brasileiro durante uma Exposição de Estrutura e Beleza, de pronto, de imediato, sem titubear um segundo, aceitou, pois era muito inteligente e sabia que era conhecedor profundo das técnicas de análise e julgamento cinófilos, bem como já era conhecedor profundo e antigo sobre todas as qualidades e características raciais do Fila Brasileiro, com quem já tinha contacto a longo tempo de sua vida “mercantil” e de admirador da Raça Fila Brasileiro. Aceitado o encargo, durante os primeiros trabalhos e reuniões, como já era de se esperar, o Doutor PSC. assumiu naturalmente a liderança do grupo, do qual constavam os senhores Erwin Waldemar Rathsam e João Ebner, ambos também dotados de enorme conhecimento e saber cinófilo, principalmente sobre a Raça Fila Brasileiro.

.Após os trabalhos, o Padrão foi devidamente aprovado junto ao então BKC (hoje CBKC) e colocado em execução naquele ano de 1946, através da sua divulgação e OFICIALIZAÇÃO a nível nacional no território brasileiro, passando a reger a Criação, o Registro e as Exposições de Estrutura e Beleza em todo o território nacional.

.FATO: Em 1968, graças ao excelente trabalho dos criadores brasileiros de FB e também, principalmente, aos trabalhos de “bastidores” do Sr. Antonino Barone Forzano junto à cúpula da FCI, a Raça foi devidamente RECONHECIDA INTERNACIONALMENTE pela FCI (Federação de Cinófilia Internacional). Passando a Raça FB, a partir de então, a ser amparada pelo reconhecimento internacional. Dessa forma, o Padrão Racial do FB ELABORADO pelos Dr. PSC e Srs. Erwin Waldemar Rathsam e João Ebner se mostrou estar CORRETAMENTE redigido e com termos cinotécnicos compatíveis, provando que os autores entendiam do assunto na visão dos “experts” senhores dirigentes da Federação de Cinofilia Internacional, haja vista que, além de aprová-lo (ao Padrão), NADA objetaram a respeito dos termos cinotécnicos em que estava escrito. Será que todos os Dirigentes da FCI (Federação de Cinofilia Internacional) que eram (e são) na esmagadora maioria Juízes Cinófilos com larga experiência em análise morfológica e principalmente pessoas afeitas ao uso de termos cinotécnicos, bem como a Padrões Raciais de Raças as mais diversas possíveis, também seriam incoerentes e ignorantes ao ponto de aprovar “in totum” o Padrão do FB se ele contivesse erros???????????????????

FATO: Em 1975, alguns criadores Paulistas novamente se reúnem e decidem criar um Clube Especializado para a Raça FB que receberia o nome de CPFB (Clube Paulista do Fila Brasileiro), e, nessa oportunidade, o Doutor PSC, pessoa emérita e profundo admirador da Raça FB, se voluntaria e se candidata a dirigir o novo Clube como seu Presidente, porém, outro candidato a Presidente também aceita disputar o pleito eleitoral e, assim, temos a candidatura do Senhor Armando de Souza Reis, vulgo “Armandão”, recentemente falecido (novembro/2009), o qual, na ocasião (1975) sagrou-se vencedor nas urnas. Esse fato desencadeou a explosão de rancor e desejos de vingança do perdedor, Dr. PSC, o qual passou a criticar cães dos “adversários” políticos, assacando principalmente contra as cores PRETA e Tigrada/Rajada escura, visando atingir principalmente alguns criadores paulistas que deixaram de apoiá-lo em suas pretensões políticas. Em 1978, cercado de alguns adeptos e admiradores, o Dr. PSC funda um Clube “dissidente” e logo a seguir passa a divulgar uma lista negra de cães FB, incluindo nessa lista, injusta e aleatoriamente, inúmeros cães, inclusive o FB Orixá do Kirongozi, FB Tigrado escuro, taxando todos os cães incluídos na referida listagem da pecha de “mestiços”, independente dele próprio, Doutor PSC, o haver premiado (ao Orixá) inúmeras vezes como o “BIS” (Best In Show), tendo inclusive, numa dessas ocasiões, além de classificá-lo (ao Orixá) numa dessas três oportunidades como o “BIS”, ainda constado na súmula que tratava-se de um FB de excepcional qualidade, não apresentava defeitos, tinha temperamento correto e era totalmente TÍPICO. FATO que se pode confirmar através de uma foto histórica do momento da premiação, ocasião em que o Orixá era apresentado pelo “Jovem” (na época) Jether Benevides Garotti, do Canil Corumbá, foto essa exposta no site: http://www.filabrasileiro-dailha.com/9th_comandament.html onde inclusive constam, logo abaixo, mais duas fotos históricas dos dois primeiros FB exportados para a Europa pelo Dr. PSC.. Perguntamos então, o que será que mudou? Será que em poucos anos, o melhor FB da época na opinião do então Juiz, Doutor PSC, denominado Orixá do Kirongozi, se abastardou, de portador de um excelente fenótipo e tipicidade excelente, transformou-se, tornando-se num “mestiço”? Qual teria sido o motivo dessa “mudança” no Orixá, seria alguma coisa que deram para ele comer? Será que ele houvera passado perto de algum mestiço e houvera contraído a mesma “doença”????????????? Ou será que “era” mestiço devido ao Sr. Achileu Nogueira Filho, proprietário do Canil Kirongozi (criador do Orixá) e ao Sr. Jether Garotti, proprietário do Orixá não terem apoiado politicamente nas eleições de 1975 ao Dr. PSC.?????????????????

Outro FATO: No Padrão Racial do Fila Brasileiro, editado em 1946, cujo autor sênior fora o Dr. PSC, constou-se no item cor: Todas as cores e suas combinações são PERMITIDAS. Nos unicolores e rajados são comuns as manchas brancas no peito e garganta, extremidade dos membros e ponta da cauda. No item Faltas, constou-se 1) Desqualificantes - ............................................... Brancos sem qualquer mancha de outra cor. Ressalte-se que NÃO há QUALQUER obstáculo ou restrição contra a cor PRETA (cor unicolor) nem contra a Tigrada/Rajada e suas diversas tonalidades. Perguntamos então o porquê da mudança radical de pensamento do Dr. PSC. em relação à existência e oficialidade das cores PRETA e Tigrada/Rajada escura?? Será que ele realmente de uma FRAUDE até 1975 (alegou que nada sabia de cães, e que somente sabia que tinham quatro patas), depois disso, de 1975 até 1978, transformou-se de Fraude em ‘EXPERT” e MESTRE na raça FB nesse lapso de tempo??????? Perguntamos também como teria se dado essa transformação de totalmente “LEIGO” que somente sabia que um cão tinha quatro patas para após três anos (1975 até 1978) ter adquirido todo um conhecimento cinotécnico que lhe poderia embasar como MESTRE para “taxar” as cores PRETA e Tigrada/Rajada escura como “impuras” na Raça FB????????????? Será que esse conhecimento e essa transformação de LEIGO OU IGNORANTE para EXPERT E MESTRE não teria se dado pelo motivo quase que óbvio de “VENDETA” contra os que não o apoiaram em suas pretensões políticas????????????????

Outro FATO: Em 1951, o Doutor PSC, assina como único autor um artigo publicado na Revista Veterinária “Nossos Cães”, onde, entre outras coisas, se lia: “A crescente popularidade do Fila “buliu” com esses nossos técnicos. Hoje correm só entre eles FELIZMENTE, várias “teorias”: a) o Fila “puro” é só o Rajado; b) Amarelo também é puro; c) O amarelo só é puro quando tem máscara preta; d) Peito branco é sinal de mestiçagem; e) A cor pura exige a ponta do rabo branco. Os traços do focinho e cabeça, a posição e forma das orelhas, olhos, peito, pernas, proporções, contextura do pêlo, posição da cauda, linha do dorso, altura, posição das pernas, temperamento, nada disso tem o menor valor e importância. Tudo se resume na cor.” “A VERDADE é que o Fila nasce de TODAS AS CORES. Já VI ( Dr. PSC. já houvera VISTO, ENXERGADO COM OS PRÓPRIOS OLHOS) exemplares, perfeitamente TÍPICOS, com todos os característicos rácicos, e nas seguintes colorações: a) rajado escuro-araçá; b) vermelho rajado; c) branco rajado de vermelho; d) amarelo claro baio; e) amarelo dourado; f) fulvo; g) castanho; h) marrom-chocolate; i) PRETO profundo azeviche; j) PRETO-acinzentado ardósia; l) amarelo-acinzentado; m) branco; n) branco com malhas pretas, amarelas, ou ainda rajadas. E todos eles fariam sucesso em nossas exposições”. Portanto, antes de ser contrariado em seus objetivos políticos (em 1975), o Dr. PSC além de afirmar que ele já houvera visto (TESTEMUNHADO A EXISTÊNCIA ATRAVÉS DE SEUS PRÓPRIOS OLHOS), ele também afirmou que havia EXAMINADO esses exemplares (nas cores descritas acima) e os havia considerado TÍPICOS, conforme suas próprias palavras escritas.

Outro FATO: Em 1976, em Brasília, num Congresso entre Criadores de FB estabelece-se o Segundo Padrão da Raça FB, contendo pequeníssimas alterações em relação ao Primeiro Padrão feito em 1946, o que demonstra a quase “perfeição” dos trabalhos de elaboração, e redação cinotécnica do mesmo (Padrão de 1946), cujo autor Sênior havia sido o Dr. PSC, comprovando-se mais uma vez que ele, Dr. PSC, era portador de enorme conhecimento e saber cinotécnico bem antes de 1946.

Outro FATO: O Dr. PSC em 1978, após sua derrota nas urnas em 1975, tenta se justificar pelas inúmeras CONTRADIÇÕES, e começa a alegar que em 1946, em 1951 e em 1963 era totalmente ignorante e nada sabia sobre cães, somente que tinham quatro pés. Será que um Doutor, Advogado, autor de vários artigos técnicos para as revistas especializadas, era uma “FRAUDE”???. E que subitamente de 1975 até 1978, passou de LEIGO E IGNORANTE à SÁBIO e PROFESSOR???? Será que um Advogado brilhante, um Doutor, uma pessoa altamente inteligente e instruída seria tão leviana ao ponto de aceitar a enorme responsabilidade de fazer/ESCREVER um Padrão Racial, de fazer/ESCREVER vários artigos técnicos, sem NADA CONHECER? Basta lermos qualquer dos artigos CITADOS (de autoria do Dr. PSC) que veremos que a pessoa autora era por demais inteligente e dominava o assunto tecnicamente, bem como, vejam que o Primeiro Padrão Racial de 1946 continha detalhamentos técnicos específicos de qualidade superior à média. Outro FATO: Vejam que já em 1946 ele julgava pelo SKC (Santos Kennel Clube) e nas suas súmulas das Exposições Especializadas ele usava terminologia cinotécnica e demonstrava riqueza de detalhamentos sobre a morfologia dos cães sob seu julgamento. Será que ele preenchia as súmulas sem conhecer nada, além de saber que o cão tinha quatro patas???? Será que ele julgava Exposições de cães, sabendo somente que eles tinham quatro patas????

Outro FATO, entrevistado numa oportunidade após 1976, e indagado sobre o Primeiro Padrão, declarou que não se envergonhava de havê-lo feito (ao Primeiro Padrão Racial), bem como, ao tecer críticas ao segundo Padrão, aprovado em 1976, analisou, de forma muito técnica e com conhecimento de causa, algumas modificações com as quais não estava concordando, bem como REAFIRMOU tudo o que constava no primeiro Padrão (o de 1946). Tudo isso nos leva a deduzir que ele, Dr. PSC., era uma pessoa muito inteligente, muito conhecedora das normas cinotécnicas, bem como, era uma pessoa extremamente controvertida e rancorosa, que o digam os criadores de Pastor Alemão da Baixada Santista, os quais, em 1960, quiseram Registrar/Filiar um Núcleo do PA junto ao SKC (Santos Kennel Clube) e apesar de terem toda a documentação exigida e em ordem, o Dr. PSC. não queria que eles fossem admitidos em virtude de uma desavença pessoal com alguns desses “pastoreiros”. Sendo que o SKC admitiu a filiação do citado Núcleo e o Dr. PSC se “desfiliou” de Juiz junto ao SKC em vista dessa contrariedade. Analisem o comportamento do Dr. PSC nessa ocasião e em outras e vejam que ele era um tanto quanto controvertido e dado a “surtos” de ira e de “revanchismo”, bem como, sempre queria IMPOR os seus pontos de vista, independente da opinião da maioria ser totalmente contrária e até contra os fatos.

Outro FATO: Em 1977, em carta aberta, o Dr. PSC escreveu: “Admitindo provir o Fila do Mastiff , do Bloodhound e do Bulldog, a cor PRETA deve ser aceita, muito embora, o fato de uma dessas raças ter tido tal cor, há séculos atrás, não signifique necessariamente, que tenha conseguido transmití-la ao Fila. Todavia, a probabilidade existe e não é analógico descartá-la sem exame. Os que negam a cor PRETA NESSAS RAÇAS, OU MELHOR, QUE A NEGARAM, ENCONTRARAM CONTRADITORES QUE, POR SUA VEZ, ACEITAM OUTRAS CORES, TAMBÉM CONTESTADAS POR TÉCNICOS. O ASSUNTO É CONTROVERTIDO!”. FATO: Ele, Dr. PSC, conhecia inclusive o histórico de Raças européias.
FATO: Em 1978, entre 300 Filas Registrados em todo o Brasil, somente 2,33 % desse total eram da cor PRETA, o que pode ser comprovado através do Livro de Registros Genealógicos Junto à CBKC.

FATO: Em 10/07/1950, nasce, entre outros filhotes, um FB de cor PRETA no Canil Parnapuan, de propriedade do Dr. PSC (Paulo Santos Cruz) e ele o registra com o nome de Zumbi do Parnapuan no Kennel Clube Paulista, sob o nº. Registro Inicial-1263 no Livro de Registros Iniciais do KCP arquivado na CBKC, comprovando-se que inclusive para o Dr. PSC a cor PRETA e a Tigrada/Rajada escura já eram (como de fato sempre foram) cores corretamente abrigadas pelo Padrão da Raça Fila Brasileiro editado em 1946, como também pelos demais Padrões do Fila Brasileiro que se seguiram, ou seja, o de 1976 e o de 1984 (ora em vigor).

FATO: Desde 1946 até 2008, ou já quase fim de 2009, os livros do SRG (Serviço de Registros Genealógicos) da CBKC/FCI comprovam que anualmente o número de Registros de FB na cor PRETA nunca, ao longo desse tempo todo decorrido da história registrada (63 anos), ultrapassou a 3% do total de Registros, mantendo-se numa proporcionalidade com muito pouca variação, menor sempre do que 1% de variabilidade proporcionalmente falando.

Indago o seguinte: 1) Se os FB de cor PRETA estivessem sendo produzidos em números que houvessem proporcionalmente crescido inexplicável e subitamente, como LEVIANAMENTE acusaram de estar acontecendo em 1978 e anos próximos, o porcentual, ou porcentagem, de PRETOS não deveria ter ultrapassado em muito o degrau de 3 % nos Registros de FB do SRG da CBKC? ? ? – 2) Se tivesse havido essa miscigenação com a Raça DA (Dogue Alemão) para se produzir a cor PRETA na Raça FB, como acusaram LEVIANAMENTE em 1978 e anos próximos, não seria lógico também que os ditos “mestiçadores” tivessem miscigenado FB com DA para se obter mais FB de cores: Dourada (Amarela) e Tigrada/Rajada, visto que essas cores também eram (e são) usuais nos DA?? ? 3)

Se, independente da cor, tivesse havido essa miscigenação significativa com cães da Raça DA, não haveria hoje no Plantel de FB, pelo menos, três ou mais das características ENRAÍZADAS entre as fundamentais dessa Raça (DA) aflorando (se mostrando) costumeiramente na Raça FB, sendo essas características do DA tais como: tamanho/comprimento do focinho igual ao comprimento do crânio, ou seja: crânio – Focinho = 1 : 1; e/ou escápula maior (mais longa) que o úmero; e/ou arcada superciliar não protuberante; e/ou PARALELISMO Crânio/Focinho; e/ou cabeça estreita vista de frente; e/ou Focinho quadrado; e/ou inserção alta das orelhas; e/ou pescoço longo; e/ou pescoço portado alto/erguido; e/ou cernelha mais alta que a garupa; e/ou linha dorsal (superior) mais alta do que a garupa; e/ou linha ventral/inferior bem esgalgada; e/ou angulação escápulo-umeral igual ou superior a 100º; e/ou patas redondas (pés de gato); e/ou angulações dos posteriores (joelhos) inferiores a 140º; e/ou altura do macho igual ou superior a 80 centímetros, e da fêmea igual ou superior a 72 centímetros; e/ou a pele do corpo aderente (não solta); e/ou ausência do passo de camelo; e/ou ausência total de agressividade??? 3) Indago também o seguinte: Vocês não repararam que muitas dessas características que são típicas e normais da Raça DA deveriam aparecer na Raça FB, CASO fossem baseadas na VERDADE essas acusações feitas em 1978 e/ou anos próximos, ou se fosse verdade que houvesse a tão falada mestiçagem “generalizada”???? Então porque essas características do DA não estão sendo apresentadas pelos Filas Brasileiros ATUALMENTE????? Então porque os tais “mestiçadores” não tentaram mudar o Padrão racial do Fila Brasileiro retirando faltas desqualificantes tais como: Garupa mais baixa que a cernelha; ausência de pele solta; ausência do passo de camelo??? Ou porque não se retirou, ou se tentou retirar, do Padrão do FB outras faltas tais como: orelhas de implantação alta; garupa estreita; lábios superiores curtos; falta de barbelas; acima do máximo de altura; altura dos anteriores maior que a profundidade do tórax, etc.???????????

Outro FATO: Somente para conhecimento dos usuários, nosso falecido amigo MINEIRO, o Doutor Procópio do Valle era autor de inúmeros livros sobre medicina, principalmente sobre endocrinologia, área na qual era Especializado e MESTRE, lecionando na Faculdade de Medicina do Estado do Rio de Janeiro, durante longos anos. Era uma pessoa que era conhecidíssima na área médica a nível Nacional, onde gozava de enorme credibilidade e conceito pelo seu currículo e honestidade, inclusive tendo sido palestrante até em outros Países sobre essa área específica (Endocrinologia). Ele é o autor do Grande Livro do Fila Brasileiro, edição de l981, que é uma das raríssimas “Obras Primas” sobre a Raça FB. Sua esposa, a dona Carlota e uma sua neta ainda mantêm no ar um site sobre os FB de cor PRETA, diga-se de passagem um site muito esclarecedor e informativo, cujo endereço é: http://black_fila_br.sites.uol.com.br/ e é muito interessante, pois contém inúmeras fotos históricas de Cães FB.

Outro FATO somente para conhecimento dos usuários. Vocês não acham que os FB de criação que segue obedecendo única e exclusivamente os Regulamentos e o Padrão Oficial da CBKC/FCI seriam REPROVADOS nas análises morfológicas efetuadas pelo Clube dissidente????

Vocês sabiam que já tivemos só no ano próximo passado (2008) cerca de dez exemplares de FB oriundos de criações dos ditos “oficialistas” que passaram por análises morfológicas nos “dissidentes” e TODOS unanimemente foram aprovados, contrariando a expectativa de alguns criadores, inclusive a deste próprio signatário. Inclusive uma fêmea de FB que se saiu sempre bem no quesito Temperamento nas nossas Especializadas, CONFIRMOU o destaque no item temperamento nas Exposições do Clube “dissidente”. Sendo ainda que também tivemos a recíproca, com alguns cães FB de criação dos ditos “dissidentes”, sendo aprovados nas nossas Especializadas. Fatos esses que para muitos comprovariam que, apesar de pequeníssimas diferenças, o Plantel demonstra genericamente ser muito semelhante e de origem única em relação a antepassados genéticos.

Outro FATO: Comparem o Padrão Racial de 1946, cujo autor sênior foi o Dr. PSC, com o atual Padrão Racial de 1984 e VEJAM E COMPROVEM que o arcabouço central é o mesmo e é praticamente IDÊNTICO, isso DEMONSTRA CLARAMENTE QUE O DR. PSC JÁ ERA UM EXPERT EM CINOFILIA DESDE ANTES DE 1946.

Eu sinceramente acredito que os antigos criadores de Fila Brasileiro, que seguiam, e alguns ainda seguem, criando, exclusivamente OBEDECENDO às orientações do sistema de cinofilia OFICIAL que é devidamente RECONHECIDO por outros Países, cometeram um equívoco estratégico muito grave. E esse equívoco foi o de deixar sem resposta à altura a essas acusações LEVIANAS, permanecendo silentes e nada respondendo. Acredito que se eles tivessem se organizado e se reunido, juntos poderiam patrocinar igual “campanha/resposta” de descrédito que alguns poucos adeptos das teorias mórbidas promoviam. Bastaria devolver violência verbal com violência verbal, que logicamente haveria uma calmaria. E principalmente DEVERIAM EXIGIR QUE O DOUTOR PSC E SEUS SEGUIDORES CUMPRISSEM O DEVER CÍVICO DE TODO CIDADÃO DE BEM E HONESTO, E EM ESPECIAL O DR. ADVOGADO PSC, FOSSEM (OU FOSSE) ATÉ UMA DELEGACIA DE POLÍCIA E REGISTRASSE FORMAL E OFICIALMENTE UMA DENÚNCIA DE CRIME (Falsidade Ideológica), SOB A ADMISSÃO IMPLÍCITA E EXPLICITAMENTE DE SER (EM) MENTIROSO (S) CONFESSO (S) NA OMISSÃO DESSE PROCEDIMENTO. Atualmente um dos admiradores mais fervorosos do Dr. PSC está tentando desculpar a falta dessa atitude de cidadania, alegando que “naqueles tempos” a Polícia Judiciária não dava importância a casos assim em virtude da instabilidade Política pela qual o Brasil atravessou nos anos pós 1964. Porém se esqueceram de arquitetar uma desculpa um pouco melhor, pois essa é uma desculpa muito pífia, nem criança de tenra idade poderia aceitar isso, pois era justamente o contrário, na época da chamada “ditadura”, a Polícia Judiciária trabalhou muito mais rigorosamente e instaurou muito maior nº. de IP (Inquérito Policial) do que nas épocas posteriores (as mais recentes) e nas anteriores (as mais antigas), bem como se esqueceu (esse admirador do Sr. PSC) que há um crime tipificado no CPB (Código Penal Brasileiro) que estava em vigência (e ainda está) desde 1940, denominado de “PREVARICAÇÃO” que puniria o Funcionário Público que cometesse tal atitude, que resumidamente é: “Deixar de praticar ATO DE OFÍCIO, ou retardá-lo, para atender interesse ou sentimento pessoal. E nenhum Delegado de Polícia seria tão “ingênuo” ou ignorante e descumpridor de seu ofício, ainda mais em se tratando de um denúncia oriunda de um Advogado (doutor em leis), como seria o caso do Dr. PSC. Ou será que o Dr. PSC não sabia que Delegado de Polícia era (e é) Funcionário Público e em suas obrigações de “ofício” está (e sempre esteve) o de instaurar os IP, ouvir os depoimentos, tomar a termo as declarações, colher provas, indiciar os responsáveis, apurar todo e qualquer procedimento supostamente ilegal, etc., tudo relacionado a hipotéticos crimes ou contravenções penais das quais TOME CONHECIMENTO OFICIALMENTE, para prover a Justiça e o MP (Ministério Público) de fatos e provas para os fins legais de “devido processo legal”, julgamento, condenação, absolvição, etc.??????????????

FATO: Nem o Dr. PSC, nem nenhum outro dos adeptos das “teorias mórbidas” compareceu a uma Delegacia de Policia até a presente data, para apresentar uma denúncia formal de prática de “mestiçagem”, ou seja, o crime de falsidade ideológica, praticado por um (ou mais) criador (es) de FB filiado (s) ao sistema de cinofilia OFICIAL, ou seja, filiado à CBKC/FCI. Portanto, esse fato, por si só, comprova que não há, nem houve essa tal de mestiçagem generalizada na Raça FB como fora divulgado levianamente em 1978 e anos próximos. Essas acusações foram feitas sempre de forma leviana e irresponsável por um ou outro adepto de “teorias mórbidas” como acontece inclusive em algumas outras Raças caninas em formação, sendo a maioria das acusações com OBJETIVOS COMERCIAIS.

Vamos listar as várias hipóteses para chegarmos a uma conclusão entre a mais provável ou as mais prováveis:

  1. O Dr. Paulo Santos Cruz era uma FRAUDE e realmente nada sabia sobre cães, apenas que tinham quatro patas até 1978 aproximadamente, passando daí em diante a deter um elevadíssimo conhecimento cinotécnico. Dentro da análise dos FATOS vimos que isso era impossível, pois ele nunca foi uma FRAUDE em CINOTECNIA, sempre demonstrou comprovadamente enorme conhecimento cinotécnico desde 1946, ocasião em que foi o autor sênior do Primeiro Padrão Racial do FB, cujo arcabouço está mantido até os dias atuais.
  2. O Dr. Paulo Santos Cruz era um “EXPERT” em cinofilia desde bem antes de 1946, visto que já analisava os filhotes e os adultos de FB que comprava em várias regiões do Brasil para depois revendê-los com algum lucro. Essa é a mais lógica e real das hipóteses até agora. Conclusão totalmente embasada nos FATOS e nas leis de mercado (Para comprar e depois revender, o “mercador” deve necessariamente saber qual a qualidade e valor potencial do material ou produto que está comprando, bem como deve saber antecipadamente qual o valor de mercado para revender com algum lucro depois de deduzir todas as suas despesas).
  3. O Dr. PSC além de ser um expert em cinofilia, o era também no tocante a Raça FB. Sim essa hipótese é mais próxima da realidade do que as anteriores. Conclusão totalmente embasada nos FATOS.
  4. O Dr. PSC era um “Expert” em cinofilia e na Raça FB, porém era uma pessoa muito cordata e jamais deixaria a ira ou o rancor ditar as suas palavras ou atos, e nunca, jamais, em momento algum mentiria ou falsearia a verdade para atacar adversários políticos. Essa é uma hipótese que se coaduna com a verdade até certo ponto, pois a partir do instante em que se diz que: ele não se deixava levar pela ira ou pelo rancor, nem mentiria para atacar adversários, foge enormemente da realidade, para tal basta se ver a enorme incoerência de suas afirmações ao longo do tempo. Uma hora o FB é de todas as cores, mais adiante o FB é muito típico e de várias cores, entre elas, a PRETA e a Tigrada/Rajada em todas as nuances. Outra hora, a partir de 1978 somente as cores Amarela e a Tigrada clara é que são “puras”. Um outro exemplo, devidamente registrado, foi o dele, Dr. PSC, não admitir que o SKC aceitasse a filiação do Núcleo do PA, por revanchismo e vingança contra pastoreiros. Conclusão totalmente apoiada pelos FATOS.
  5. O Dr. Paulo Santos Cruz, além de inteligentíssimo, um “expert” em cinofilia e principalmente da Raça Fila Brasileiro, era uma pessoa controvertida e dada a ter “rompantes” de ira, ódio e de rancor, desencadeando sentimentos de vingança contra adversários pessoais, políticos ou clubísticos. Pronto, finalmente vemos uma hipótese em que tudo se encaixa corretamente. No ínício ele AFIRMA que o FB possue todas as cores, em seqüência reafirma em artigos pessoais que já houvera TESTEMUNHADO (AVISTADO COM OS PRÓPRIOS OLHOS) FB de cores diversas: PRETA, Amarela, Tigrada escura, Marrom, BRANCA, etc. e etc. , TÍPICOS; finalmente, após 1975, ocasião em que, pela derrota nas suas “pretensões políticas”, se afasta e começa a atacar os “inimigos” políticos, se utilizando da parte mais vulnerável desses “inimigos” que era a criação de FB, ocasião em que usando de seu enorme prestígio, tentou por todos os meios ao seu alcance denegri-los, mesmo que atingisse a uma grande parte de criadores “inocentes” que nem participaram do pleito eleitoral. Vamos ainda supor, somente para discutirmos sobre as várias hipóteses, que ele, Dr. PSC, além de EXPERT em FB desde 1946 e até bem antes, houvesse obtido provas ou mesmo tivesse presenciado a mistura (miscigenação) de alguns cães FB com cães de outras raças, como ADVOGADO e SÁBIO ele logicamente iria direto para uma Delegacia de Polícia e denunciaria, indicando inclusive alguma prova. Porém, ele, Dr. PSC não fez isso NUNCA, o que nos obriga a descartar a hipótese dele haver visto sequer algum criador de Fila Brasileiro cometendo o crime de mestiçar a Raça, pois se isso tivesse acontecido e ele não denunciou numa Delegacia de Polícia, a única hipótese restante e que se infere é que, nesse caso, ele teria coagido, ou teria convencido o (s) hipotético (s) autor (es) do crime a ir para o lado da dissidência ao lado dele, sob pena dele (Dr. PSC) denunciá-lo (s). Ressalte-se que essa última hipótese, ou seja, de que o Dr. PSC teria visto/testemunhado ou tivesse provas de criador (es) de FB mestiçando a Raça com animal (is) de outra (s) Raça (s) e o (s) teria coagido e coaptado para o lado da dissidência para não denunciá-lo (s) numa Delegacia de Polícia também não condiz com a realidade, pois todos os pouquíssimos criadores dissidentes que conheci, são honestos principalmente no tocante à criação. Portanto, diante das evidências e dos fatos, bem como de relatos de vários criadores antigos que conviveram com o Dr. PSC, a hipótese que se nos apresenta como a mais viável e mais verídica é a de que o Dr. PSC era uma pessoa dotada de muita inteligência, de muito conhecimento cinófilo genericamente falando e especificamente da Raça FB, porém, era uma pessoa muito controvertida e dado a acessos de ira e desejos de vingança contra desafetos políticos ou pessoais, sendo que a cada etapa de sua história ele apresentava versões diferentes e até contraditórias sobre a criação de FB além de ser também uma pessoa com altas ambições de Poder Político. Conclusão totalmente apoiada pelos fatos e CORROBORADA por testemunhos de ex-criadores da época contemporânea ao Dr. PSC, que atualmente não criam mais.

Apenas para que fique devidamente conhecido e público: A CBKC, na época das denúncias através de um Jornal, nomeou e instituiu uma Comissão de Investigação composta por vários Juízes Cinófilos de renome, a maioria sem nenhuma ligação direta com a criação da Raça FB, e essa Comissão, após os trabalhos de audiência, após ouvir as pessoas, após inclusive de solicitar ao Dr. PSC para declarações e convidá-lo a apresentar a (s) prova (s) que ele tivesse e não ter obtido resposta, concluiu que as acusações eram fruto de litigância e má fé do acusador e de seus seguidores. A CBKC também mantém permanentemente uma Comissão de Ética e Disciplina para apurar e providenciar a respeito de qualquer caso de violação ou desobediência ao Código de Ética e Disciplina Cinófilo, bem como para punir qualquer infração ou desobediência aos vários Regulamentos e Estatuto, basta se acessar o site: http://www.cbkc.com.br e comprovar que esse procedimento é mantido até os dias atuais, FATO que demonstra a intenção de correição a hipotéticos atos ímprobos na cinofilia de modo genérico, tanto na criação, quanto no julgamento, premiação, etc.).

Gostaria também de deixar claro e evidente que eu não faço essas contraposições e indagações por eu próprio estar me defendendo, pois à época das acusações e dissidência, eu não militava na cinofilia oficial, onde somente em 1992 adentrei efetiva e oficialmente ao adquirir a minha primeira cadela (Juliete Tibaitá do Brenda Lee) da Raça Fila Brasileiro com CRO, sendo que anteriormente, no ano de 1982, aproximadamente, eu tive a posse de uma cadela FB, de nome Taba, que, inclusive, era de criação de um Canil da “dissidência”. Faço essas contraposições e indagações por ter me convencido de que essas acusações são falsas e se trata (e se tratava) de um “Slogam” Mercantilista e/ou Político. Atacando e acusando os concorrentes comerciais de venderem produtos não “Puros”, tentam desmerecer a qualidade da nossa concorrência, iludindo e ludibriando os incautos e inexperientes candidatos a aquisição do primeiro FB, pois esses irão inferir que os cães dos acusadores é que são “Puros”, é que são os melhores.

“As raças não existem em nossas mentes porque são reais, mas são reais porque existem em nossas mentes”. Autoria do Médico, Doutor, e Geneticista/Epidemiologista Norte Americano, Sr. Jay S Kaufman, EUA.

Amigos, acessem o site: http://www.cienciaviva.pt/docs/artigos/artigos59.pdf e vejam um artigo muito interessante, principalmente na página 12, “in fine”, um trecho que diz o seguinte:
“Algo que já é possível dizer é que noções como a RAÇA são completamente INUTILIZADAS pela análise do genoma. “De um ponto de vista genético, todos os seres humanos são AFRICANOS – que ou vivem na África ou estão no exílio”. Concluiu o investigador. A nossa origem africana é verificada pelo facto da diversidade genética ser maior na África do que em qualquer outro ponto do mundo, o .......... a pensar em vagas de migração humanas a partir daquele continente. Aliás, uma diferença entre nós e os chipanzés é o facto de termos evoluído sem que se verificassem grandes subdivisões. Sublinha Pääbo. “Isto acontece porque somos uma espécie RECENTE (em termos evolutivos) e porque temos uma tendência para a migração maior que os OUTROS mamíferos”.

A noção de raça leva ainda outro golpe: podem verificar. Há mais diferenças entre um loiro nórdico e o seu também loiro vizinho do que entre eles e um Africano. A sequenciação do genoma humano, portanto, não trará grandes riscos se aumentar semelhanças entre o homem. Outros seres vivos surgem realçados.

A discriminação, conclui Pääbo de forma optimista “terá o efeito contrário, porque os preconceitos, a opressão e o racismo alimentam-se da ignorância”.

Para que fique bem claro: O termo Raça, como eu já estou cansado de dizer, é um “conceito” que se aplica quase que exclusivamente aos animais domésticos e que quer dizer que é uma “convenção” (um trato, um acordo implícito ou explícito) entre criadores (pessoas que se dedicam OFICIAL e costumeira ou ocasionalmente a esse mister), sendo no caso de cães, todos com Canil devidamente registrados junto ao órgão de controle Oficial devidamente reconhecido por outros Países (no caso do Brasil é a CBKC que é filiada à FCI) bem como que os cães devem obedecer regras {Padrão Racial Oficial daquela Raça específica, Manual de Estrutura e Dinâmica da CBKC, inscrição (CRO) no SRG (Serviço de Registro Genealógico) da CBKC de ambos os reprodutores (pais da ninhada), Higidez física e comportamental, constarem no Livro como pertencentes à mesma Raça, etc.} para poderem reproduzir e terem seus produtos (filhotes) devidamente inscritos no Livro de Registros Oficial, deverão também ser semelhantes entre si e produzirem filhotes semelhantes a eles (reprodutores) e entre si.. CRO quer dizer Certificado de Registro de Origem, mais popularmente conhecido como Pedigree. Portanto o termo Raça Canina Pura é “CONSIDERADO” (convencionado) como sendo aquele conjunto de cães semelhantes entre si, todos devidamente inscritos no Livro de Registros Definitivos do SRG da CBKC/FCI (no caso do Brasil), sendo que, concomitantemente, devem estar adequados e conformes com as descrições e com as características descritas pelo Padrão Racial Oficial da CBKC/FCI daquela Raça específica, devem também preencher as NGA (Normas Gerais de Análise) e do MED (Manual de Estrutura e Dinâmica) da CBKC, bem como não podem apresentar nenhuma característica descrita no Padrão Racial Oficial daquela Raça como sendo falta desqualificante, e conjuntamente apresentar as proporções importantes descritas e narradas no referido Padrão. Resumindo, devem ser corretamente “encaixados” na descrição do citado documento.

Uma Raça canina deve ser, ao longo de toda a sua existência oficial (registrada), devidamente “apurada” pelos criadores oficiais, os quais devem seguir regras divulgadas pelo Órgão controlador da criação, qual seja a CBKC/FCI (aqui no Brasil), sendo, portanto, uma Raça considerada tão mais “Pura” quanto maior for o tempo de “apuramento” ou de existência oficial daquela Raça, que é a existência REGISTRADA.

Os criadores constituem o “Pilar”, o “Sustentáculo”, da “pureza” racial de qualquer Raça. Em todos os acasalamentos, os criadores devem visar o melhoramento Racial, sempre procurando acasalar suas reprodutoras com machos reprodutores que possuam “tipicidade” e sanidade física e comportamental, para que possam obter produtos (filhotes) totalmente típicos, sadios e com temperamento adequado às funções primitivas daquela Raça (independente daquela Raça estar, ou não, sendo usada nessa função). No caso da Raça Fila Brasileiro, o criador deve visar obter filhotes típicos, sadios e com temperamento para as

funções de Guarda e Boiadeiro. Em face do que aqui foi escrito, podemos dizer que uma Raça Canina é tão mais “Pura”, quanto maior for a sua existência oficial, pois foi “apurada” por tempo maior.

Observação deste signatário: A existência de uma Raça animal somente pode ser considerada a partir do início do serviço cartorário (documentado) onde os animais passam a ser REGISTRADOS num livro de Registros, que, no início é um Livro de Registros Secundário ou Inicial, e posteriormente (a partir de um determinado número de gerações registrados nos Livros de Registro Secundário ou Inicial), os registros são feitos num Livro de Registros GENEALÓGICOS DEFINITIVOS e controlados e supervisionados por uma Entidade Oficial Controladora. Pergunto: Qual a coerência em se ficar imputando como “Puros” cães Fila Brasileiro que não são controlados pelo Serviço de Registros Genealógicos da CBKC/FCI, que é o Órgão Oficial de Controle da Cinofilia Brasileira e, concomitantemente, ficar “insinuando” covarde e levianamente que não são “Puros” os Filas Brasileiros que são devidamente controlados pela CBKC/FCI e todos inscritos no Livro de Registros Genealógicos DEFINITIVOS da CBKC, com, pelos menos, mais de quatro gerações genealógicas de registro, sendo que a enorme e esmagadora maioria tem muito mais de dez gerações genealógicas registradas? SÓ Há uma explicação e resposta – INTERESSE MERCANTIL.
Observação de autoria deste signatário. A pessoa que transcreveu o artigo supra de autoria do Sr. “Pääbo”, artigo esse colocado entre as duas linhas contínuas tracejadas de lado a lado, provavelmente era de origem Portuguesa, digo isso por causa da ortografia de alguns vocábulos que obedeceram as regras gramaticais que são usuais entre os co-irmãos portugueses.

Acessando o site: http://www.sbmaonline.org.br/anais/iiipalestras/iiipeb23.pdf no artigo denominado: “Melhoramento Genético Em Caprinos e Ovinos no Brasil – IMPORTÂNCIA DO PADRÃO RACIAL, de autoria da Sra. Médica Veterinária, Dra. Adriana Mello Araújo e do Sr. Médico Veterinário, Dr. Aurino Alves Simplício, ambos ligados à Embrapa do Ceará, lemos, entre outras coisas, o seguinte:

O Padrão Racial orienta a avaliação dos animais controlados nos LIVROS DE REGISTROS passando-se, na maioria das vezes, por registros intermediários até obter a CLASSIFICAÇÃO de PUREZA RACIAL e, geralmente, é de responsabilidade dos CRIADORES, através das ASSOCIAÇÕES e do SERVIÇO DE REGISTRO GENEALÓGICO.
Na literatura, a raça é definida como um CONJUNTO DE INDIVÍDUOS COM SEMELHANÇA GENÉTICA E FENOTÍPICA, PODENDO OS ANIMAIS DE UMA RAÇA SEREM AGRUPADOS A OLHO NU PELO OBSERVADOR EXPERIENTE. Do ponto de vista técnico-científico, a raça determina o conjunto de genes que estarão disponíveis para se obter o MELHORAMENTO GENÉTICO, tornando a sua escolha muito importante para o sucesso da exploração no contexto do agronegócio.

Além de ser importante para o desenvolvimento organizado da produção dos pequenos ruminantes domésticos, o Padrão Racial e o Registro Genealógico agregam, também, valor comercial aos animais. Evidencia-se que, muitas vezes, o negócio vinculado a esses parâmetros têm se mostrado lucrativo apesar de representar, apenas, uma pequena fatia do mercado, superando mesmo a própria renda obtida com os produtos primários oriundos da exploração dos animais como fontes de leite, de carne e peles ou lã. Daí, cria-se um contraste

Ressalte-se que estes, na maioria das vezes, consideram o controle ou o REGISTRO GENEALÓGICO DEFINITIVO como elemento único para proceder a SELEÇÃO dos indivíduos em detrimento de componentes produtivos, como: o desenvolvimento ponderal, a precocidade sexual, o perímetro escrotal, a taxa de ovulação à puberdade, o desempenho em prova de ganho de peso, a HABILIDADE MATERNA, a produção total de leite, a qualidade do leite, dentre outros. Sem dúvida, esta conduta poderá estar prejudicando o desenvolvimento e a sustentabilidade da caprino e da ovinocultura no sentido de que elas ocupem os seus reais papéis no agronegócio brasileiro e, possivelmente, mundial.

Observação deste signatário: Texto muito bom e esclarecedor sobre o termo “Raça” e sobre o termo “Pureza Racial”. A Pureza Racial se “obtém” através do longo tempo de apuramento racial, obedecendo-se sempre o critério de acasalamentos somente entre animais da mesma Raça e/ou Variedade que estão inscritos e REGISTRADOS nos Livros de Registros Genealógicos Definitivos do Sistema de Controle OFICIAL daquele animal específico, no nosso caso (cinofilia) a CBKC/FCI. Em outras palavras, não podemos nunca falar em PUREZA RACIAL se os nossos cães não estiverem com, no mínimo, mais de oito gerações de ancestrais devidamente registrados nos Livros Oficiais DEFINITIVOS da CBKC/FCI. E nunca poderemos falar em “Pureza Racial” quando os cães não estão Registrados no Livro de Registro Genealógico da CBKC/FCI e muito menos quando esses cães são filhos de pais DESCONHECIDOS e fora de qualquer controle OFICIAL.

Observação de autoria deste autor e signatário: Se os adeptos das teorias do Clube dissidente ACREDITASSEM realmente nas teorias mórbidas, então por qual motivo eles todos (SEM EXCEÇÃO) registram, ou continuariam a registrar, a maioria de seus filhotes de Fila Brasileiro no sistema CBKC/FCI.??????????????????

PARA QUE UMA ACUSAÇÃO SEJA CONSIDERADA UM FATO E NÃO UM BOATO, ela necessita preencher alguns requisitos, tais como: Quando se tratar de acusação de um crime (ação ou omissão previsto no CPB – Código Penal Brasileiro) ela (acusação ou imputação) deve ser formal, ou seja, deve seguir os ritos legais, quais sejam: o (s) acusador (s) deve (m) se apresentar a uma autoridade policial, no caso um Delegado de Polícia e relatar tudo sobre o caso, esclarecendo as circunstâncias do crime, e identificando o (s) autor (es) do ato supostamente criminoso, a (s) testemunha (s), as provas, etc., bem como, ao final de seu relato, que será transladado para um termo, deverá assinar esse documento. A partir daí a acusação FORMAL poderá passar a ser considerada como um fato com muita possibilidade de ser verdade, sendo que a razão dessa credibilidade é o fato de que a partir de uma acusação “formal”, ou seja, contendo um Termo de Declarações ASSINADO pelo acusador e declarante, onde deverá ser descrito o fato supostamente criminoso ou infracional devidamente imputado a alguém {pessoa (s)} com a citação das circunstâncias e provas, PODERÁ, hipoteticamente, NO CASO da não comprovação da existência do fato, ou da comprovação jurídica da inocência do suposto autor, REVERTER contra o acusador (Calúnia, Injúria ou Difamação). Caso contrário, ou seja, acusações sem falar/comunicar para uma Autoridade Policial, ou para Autoridade do MP (Ministério Público), ou mesmo para uma Autoridade Judicial (Juiz de Direito), o relato/acusação não passa de uma conversa “informal” e, logicamente, deverá ser tratado como um BOATO, ou uma “inverdade”, ou como uma “fofoca”, ou mesmo como uma “mentira”. A razão/motivação que provoca muita acusação mentirosa e/ou falsa é mais ou menos óbvia, tais como incompetência de concorrência comercial, disputa política com muita ânsia pelo PODER, disputa clubística, disputa mercantil (que é a grande característica dominante entre os criadores de cães), desavenças pessoais ou familiares, busca pela notoriedade através de repercussão na mídia, etc. e etc.. Pergunto a vocês: Será que um Advogado hábil e talentoso, que era uma pessoa altamente inteligente, que era tido como uma pessoa competente em Advocacia e em Cinofilia, não sabia que a acusação de um fato criminoso, para ter efeito e eficácia, ou seja, para produzir RESULTADOS, deveria ser feita de maneira formal perante um Delegado de Polícia????????????????? Ou será que ele também era uma FRAUDE como Advogado até o momento de seu óbito???????????? Quem tiver alguma dúvida, por menor que seja, consulte um Advogado a respeito. Além disso tudo que foi exposto, sugiro ainda uma outra providência saneadora para aquele (s) adorador (es) do Dr. Paulo Santos Cruz, que insistem e teimam em fazer insinuações maldosas, contumazes em se auto intitularem como os donos dos “puros”, dos “perfeitos”, dos “verdadeiros”, etc., Você (s) pode (m), amparado (s) na Constituição Brasileira, ingressar com uma ação judicial pleiteando a “cassação” do Certificado de Registro de Origem (CRO-Pedigree) de qualquer cão da Raça Fila Brasileiro (ou até de outra Raça eventualmente) que for suspeito, ou até mesmo a “retificação” desse Registro, a exemplo do que já ocorreu RECENTEMENTE em criação de outra espécie animal aqui no Brasil mesmo, onde houve um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) entre o MPF (Ministério Público Federal) e a ABC__ (Associação Brasileira dos Criadores de XXXX), sendo que o MPF propôs o TAC para regularizar o Regulamento do SRG (Serviço de Registro Genealógico), onde toda a genealogia dos exemplares tidos como “suspeitos” foi investigada, como medida cautelar para se assegurar o direito das pessoas que haviam adquirido descendentes desses pouquíssimos exemplares “suspeitos”. Ficando desde já EXPLÍCITO que eu até gostaria que algum antepassado genealógico de um de meus cães Fila Brasileiro fosse objeto de “suspeita” por parte de uma hipotética ação judicial de cassação ou retificação de Registro, pois essa medida poderia provar definitivamente para os “descrentes”, ou melhor dizendo “dissidentes”, que a genealogia de meu plantel é muito bem controlada e correta, ou não. Eu me comprometo a disponibilizar TODOS os meus cães para os testes que forem julgados cabíveis e necessários para tal fim. Também garanto que todos os demais companheiros de criação OFICIAL de cães da Raça Fila Brasileiro que seguem as normas e regulamentos OFICIAIS exclusivamente do sistema CBKC/FCI também se comprometerão. Agora tenho que ressaltar que se for se utilizar do supra sugerido para cães de criação com genealogia extra oficial (não registrados no sistema CBKC/FCI), ficará um tanto quanto difícil, pois sabe-se que no (s) sistema (s) paralelo (s) se usa (m) cão (ães) de genealogia desconhecida e não registrada/controlada. Esclareço que essa criação de outra espécie animal supra mencionada, após o TAC e as devidas “cassações” e “retificações”, ficou muito melhor e livre de qualquer acusação, motivo pelo qual consideramos o criador que iniciou a demanda judicial como uma pessoa altamente honesta, sincera e dono de um VERDADEIRO amor à Raça que criava e continua a criar, pois visou corrigir pequenos detalhes através dos CAMINHOS LEGAIS e não através de acusações LEVIANAS e falsas ou de “insinuações maldosas” e com fins mercantilistas. Ele estava convicto de certas irregularidades e como queria o BEM daquela Raça e espécie animal, seguiu o caminho da JUSTIÇA que é o caminho das pessoas do bem e não o caminho dos BOATEIROS E LEVIANOS. Foi cassado o Registro de um exemplar da referida espécie animal e de TODOS os seus descendentes, com a Justiça Federal impondo uma elevada quantia pecuniária de ressarcimento aos prejudicados compradores de descendentes do animal cassado. Há um enunciado em direito que diz, mais ou menos assim: “Quem não deve, não teme”. Por isso “Nós Não tememos Nada”. Há, inclusive, previsão legal para o cancelamento de um Pedigree (CRO), previsto no Regulamento do Serviço de Registro Genealógico da CBKC/FCI, quando for objeto de FRAUDE. Logicamente que o acusador não poderá fazer acusações de forma leviana e falsa através de e. mail, ou na internet, ou de jornal, pois deverá fazê-lo de maneira FORMAL, assinando a sua acusação e indicando a (s) prova (s) porventura existente (s) e encaminhando o documento ao destino correto (CBKC/FCI), ou, seguir o mesmo caminho do citado criador de outra espécie animal que adentrou com uma ação judicial pedindo a investigação pelo MP (Ministério Público), sob pena de, em não seguindo esses trâmites, não ter acolhida nem de sua “reclamação”, nem de seu “BOATO”. Convidamos, pois o (s) admirador (es) das teorias mórbidas do falecido Advogado, ex-Juiz Cinófilo, ex-comerciante de cães, Paulo Santos Cruz, a INGRESSAR (EM) COM UMA AÇÃO JUDICIAL PROPONDO UMA INVESTIGAÇÃO ATRAVÉS DO MPF, pois, caso não o fizer (em), então que se cale (m) para sempre que estará (ão) prestando um enorme serviço para a criação HONESTA DE FILA BRASILEIRO.. “Conheci e conheço muitos Criadores de Fila Brasileiro no Brasil e dos cerca de mais de cem criadores de Fila Brasileiro que conheci, a enorme e esmagadora maioria pertencente ao segmento dos que criam única e exclusivamente pelo sistema OFICIAL da CBKC/FCI (sendo que dos seguidores da dissidência conheci somente quatro criadores), nunca, jamais qualquer um deles (tanto dos dissidentes, quanto dos “oficialistas”) deu qualquer margem à mínima suspeita sobre FRAUDE ao sistema de criação de Fila Brasileiro. Dentre os poucos dissidentes que conheci, tenho a dizer que todos foram extremamente corretos comigo, deram mostras evidentes de honestidade na criação e me trataram amigável e cordialmente. Entre os criadores, digamos “oficialistas”, que conheci, que foram em número bem superior a noventa, posso dizer que somente dois deixaram a desejar no quesito “ética” comercial (falavam mal dos cães pertencentes aos concorrentes), ou concorrencial (NÃO no quesito FRAUDE À CRIAÇÃO), e ambos, FELIZMENTE, já pararam de criar. Não vi grandes diferenças entre ambos os criadores (dissidentes e “oficialistas”), somente vi pequeníssimas e insignificantes diferenças entre os dois plantéis, principalmente em termos de consanguinidade. Sendo que os dissidentes gozam de uma vantagem propagandista/mercantilista pelo Slogam de chamamento: “Fila Puro” o que leva os incautos pretendentes a iniciar na criação do Fila Brasileiro a serem ingenuamente atraídos. Esse “Mantra” é de uma força de mercantilismo enorme, cujo mérito deve ser de autoria do Dr. PSC. Frise-se que o Plantel de FB dos dissidentes que conheci é muito reduzido em número quantitativo para podermos fazer uma avaliação mais criteriosa em termos comparativos, porém, gostei mais de um número extremamente alto de cães dos “oficialistas” em comparação aos cães dos “dissidentes”, porém, volto a repetir, conheci bem poucos cães de “dissidentes”, sendo a maioria através da internete.

“Toda pessoa, independente da nacionalidade ou de qualquer outra coisa, que presenciar/testemunhar um ato (ação ou omissão), ou tomar conhecimento de um ato que supostamente seja crime (Crime ou Contravenção Penal) pode (Moral e civicamente “DEVERIA”) comparecer o mais rapidamente possível até a Delegacia de Polícia mais próxima e relatar o acontecimento ao Delegado de Polícia, que, “de ofício”, DEVERÁ OBRIGATORIAMENTE tomar as medidas legais cabíveis pertinentes”.

  • “Não há efeito, sem causa”.
  • “Não fique só, fique sócio da SPFB”.
  • “Quantos mais formos, mais seremos ouvidos”.
  • “Não devemos correr atrás das borboletas, devemos cuidar de nosso jardim para atraí-las até nós”.
  • “As cores: Amarela, PRETA, Marrom, Vermelha e Tigrada/Rajada são as cores existentes e oficiais constantes do Padrão Racial Oficial do Fila Brasileiro”.
  • “A oficialidade se traduz também pelo reconhecimento Oficial de outros Países e inclusive pelo reconhecimento da FCI. A clandestinidade é um passo para a ilegalidade. O plágio é uma forma de se auto afirmar como incompetente e também é uma tentativa de iludir/ludibriar inocentes”.
  • “Quem quiser cor, que crie rosas”. Autoria do Dr. Paulo Santos Cruz.
  • “O otimista sonha, o pessimista se lamenta, o incompetente acusa os concorrentes, o realista realiza”.
  • “Quem não tem competência, não se estabeleça”.
  • “Não somos contra os mentirosos, somos contra a mentira ou a meia verdade”.
  • “Há vários tipos de “cegueira”, a visual que impede a visão física, a ideológica que impede o entendimento ou compreensão de outra ideologia ( religiosa, social ou política) que não a própria, a por interesse (mercantil, pecuniário ou de ordem diversa) que impede a aceitação de acontecimentos factuais que contrariem o seu interesse ou as suas crenças, e também a cegueira da ingenuidade, a qual acredita em tudo e em todos e nunca desconfia, etc.”.
  • “O pior cego é aquele que não quer ver”. Dito popular Brasileiro.
  • “Eu não tenho de afirmar que o meu FB é o melhor, eu tenho de PROVAR que ele é o melhor”.
  • “Brasileiro que cria Fila Brasileiro é duplamente Brasileiro”.
  • “Quem se contradiz várias vezes em épocas distintas, não pode merecer credibilidade irrestrita”.

Amigo criador de Fila Brasileiro não deixe de apoiar o PMG (Programa de Melhoramento Genético), a DEP (Diferença Esperada na Progênie) e o Teste de Progênie tão logo sejam disponibilizados para o FB; e apoie a SPFB (Sociedade Paulista do Fila Brasileiro) e todo o Sistema Cinófilo Oficial que é reconhecido por todos os Países filiados à FCI (Federação de Cinofilia Internacional) com sede na Bélgica.

. Acessem o site: http://www.fci.be.com e leiam o Padrão Racial do FB (atual) em Alemão, Francês ou Inglês; acessem o site: http://www.cbkc.com.br e leiam o Padrão Racial do FB em Português (falado no Brasil), ou em Espanhol ; acessem o site: http://www.spfilabrasileiro.com.br e leiam o Padrão do Fila Brasileiro comentado por criadores experientes e Juízes Especializados; acessem o site: http://www.canildosertao.com e leiam o Primeiro Padrão do Fila Brasileiro de autoria do Dr. Paulo Santos Cruz e dos Srs. Erwin Waldemar Rathsam e João Ebner, e confirmem a existência e oficialidade das cores PRETA e Tigrada/Rajada escura desde os primórdios da criação de Fila Brasileiro, bem como leiam outros artigos de relevância para a Raça Fila Brasileiro.

A pergunta que não quer calar: SE OS CÃES DELES SÃO ‘PUROS’ E OS NOSSOS CONSEQUENTEMENTE NÃO O SÃO, ENTÃO QUAL O MOTIVO DESSA CAMPANHA PUBLICITÁRIA INTENSA CONTRA OS NOSSOS CÃES? ALGUÉM PODERIA ME EXPLICAR? SERÁ QUE É UMA REVANCHE PELO FATO DELES TEREM DE REGISTRAR NO SRG DA CBKC/FCI PARA PODEREM EXPORTAR PARA OUTRO PAÍS? SERÁ QUE ELES NÃO VÊEM QUE DENEGRIR A CBKC/FCI É DAR UM TIRO NO PRÓPRIO PÉ?
Continuo SENTADO aguardando a PROVA REAL da inexistência, ou não oficialidade da cor PRETA ou Rajada/Tigrada escura na Raça de cão Fila Brasileiro.

Bibliografia: O Grande Livro do Fila Brasileiro, edição de 1981; Padrões Raciais do FB de 1946, de 1976 e de 1984; MED (Manual de Estrutura e Dinâmica) da CBKC (Confederação Brasileira de Cinofilia); Código Penal Brasileiro de 1940; Regulamento Para os Juízes da CBKC/FCI; Código de Ética e Disciplina Cinófilo da CBKC/FCI; Padrão Racial do DA (Dogue Alemão); Regulamento do SRG (Serviço de Registro Genealógico) da CBKC/FCI e vários artigos divulgados na internet que já foram citados ao longo de todo o texto.

São Paulo, 04 de Dezembro de 2009.
Virgílio De Martella Orsi.
Juiz de Fila Brasileiro e dos grupos I, II, IV, V, VIII e X da CBKC/FCI.
Canil Vale do Aricanduva /SP / Brasil

English

Father or Stepfather of the Fila Brasileiro?

Fact or Fiction?

Friends, as they continue the frivolous and false accusations, we will continue with the series of articles in antepormos with logical argumentation, exposition of the facts, and with questions and comments about it.

The Fila Brasileiro, as shown throughout much of the tiny and "almost" nonexistent "literature" about it began its "birth" during the seventeenth century, so obscure, unclear and very controversial, like the vast majority of other dog breeds…

Along the REAL story (post 1946)of the Fila Brasileiro Breed, various "theories" Emerged about Its "FORMATION” and only one of these theories had a document proving {Letter from the Council of the XIX to the Political Council of Pernambuco, during the Dutch Era in Pernambuco, northeastern Brazil, in which he told how, through the West India Company, was sent a sea load to Pernambuco with 300 (three hundred) dogs of the Dogue Fort Race breed} that was the theory of Doctor, Doctor, Endocrinologist, Professor and Master, Mr. Procopio do Valle, and practically grounded a theory that a "replica" of another theory, written by the Doctor, Lawyer, Mr. Paulo Santos Cruz, who had claimed that the Fila Brasileiro, probably was formed mainly by interbreeding between dogs of the English Mastiff, Bloodhound and English Bulldog brought from Europe to Brazil.

Say also that all theories unanimously proclaimed the Race "had" formed an amalgam of interbreeding between dogs and of some random breeds,and chance dictated by Mother Nature and also with some significant human interference.

Probably the theory of the formation of the Fila Brasileiro authored by Dr. Paulo Santos Cruz, was filed and published in the early emergence of the Fila Brasileiro, ie, between predecessor and the predecessor to the establishment of the Prime Standard of Racial Fila Brasileiro occurred in 1946, when the creators of the then National fila dog, or any other of the many and various names were used, assembled and "cried" by introducing a document that standardizes the creation thereafter, by combining the characteristics of the average Squad exists. It should be noted that in that period (which preceded the establishment of 1st Standard), Dr. PSC. was already an experienced marketer and admirer of the outstanding Fila Brasileiro, as he usually traveled to every corner of the immeasurable territory, where he bought Fila Brasileiro dogs to sell them, occasionally getting a copy for yourself or another for some time. It should be noted also that Dr. Paulo Santos Cruz was extinguished by Judge cinofilia SKC (Santos Kennel Club) Exhibition and judged by that club, so it was endowed with a vast store of knowledge cinotécnicos, which enabled him to analyze and describe, as well classify as many dogs of various breeds. He believed that the Fila Brasileiro have existed, or if formed, mainly from the mating of dogs Breeds: English Mastiff, Bloodhound and old English Bulldog. Another of these theories was presented by Doctor, and Master Teacher, Physician, Endocrinologist, Creator of FB, Mr. Procopio do Valle, whose theory maintained that the other three theories that exist around 1981, were correct in their essence, however, exclude the importance, "amalgamation" advocated by some of the others, Fila Terceira because of this characteristic of "twisted tail" (crooked tail), a characteristic that was not presented by the queues at the time, and he (Dr . Procopio) included the important contribution of the dogs of the breed Dogue Fort Race, based on factual document was the letter sent by the Council of the XIX to the Dutch government, based in Pernambuco, sending warning for shipping, about 300 (three hundred) dogs of that breed to Brazil, through the West India Company, in order to assist the Dutch troops based in the (now) Pernambuco State, that these troops were being attacked by domestic residents and by the Portuguese settled here.

FACT: Dr. PSC in 1946, invited by the Kennel Club Paulista (now defunct club) for, along with some other show dogs with outstanding cinotécnico knowledge, develop a Standard for Racial Fila Brasileiro, aiming to unify the criteria for creating a better directed and to establish parameters for the Judgement of the Fila Brasileiro during an exhibition Structure and Beauty, promptly, immediately, without hesitating a second, accepted, for it was very smart and knew what was inside knowledge of the techniques of analysis and trial show dogs, and was already deep and knowledgeable about all the old qualities and racial characteristics of the Fila Brasileiro, who had long contact time of your life "commercial" and admirer of the Fila Brasileiro. Accepted the charge during the first work and meetings, as might be expected, Dr. PSC. naturally assumed the leadership of the group, which contained the lords Erwin Waldemar Rathsam and John Ebner, both also possess extensive knowledge and know how to show dogs, especially about the Fila Brasileiro.

.After the work, the pattern was then duly approved by the BKC (CBKC today) and put into effect that year, 1946, through its official release and at national level in Brazil, going to govern the creation, the registry and Exhibition Structure and Beauty in the entire national territory.

FACT: In 1968, thanks to the excellent work of the creators of FB and also Brazil, mainly the work of "backstage" of Mr. Antonino Barone Forzano near the summit of the FCI, the race was duly INTERNATIONALLY RECOGNIZED by the FCI (Federation of International Cinofilia ). Passing Race FB, thereafter, to be supported by international recognition. Thus, the racial pattern of FB Prepared by Dr. Waldemar PSC and Mr. Erwin and John Ebner Rathsam proved to be correctly worded and cinotécnicos compatible terms, proving that the authors understand the matter in view of the "experts" gentlemen leaders of the Federation of International Cinofilia, considering that in addition to approve it (the Standard), nothing objective about the terms cinotécnicos where it was written. Are all leaders of the FCI (Federation of International Cinofilia) that were (and are) overwhelmingly Cinofilia judges with extensive experience in morphological and especially people accustomed to the use of terms cinotécnicos as well as racial patterns of many different breeds possible, would also be inconsistent and ignorant as to adopt "in toto" the Standard FB if it contained errors ???????????????????

FACT: In 1975, some breeders Paulistas are reunited and decide to create a specialist for the Race Club FB would receive the name of CPFB (Fila Brasileiro Club Paulista), and on this occasion, Dr. PSC, one emeritus and deep admirer of Race FB, volunteers and candidate to head the new club as President, however, another candidate for President also accepts dispute the electoral process and thus have the candidacy of Mr. Armando de Souza Reis, aka "Armandão" recently deceased (November/2009), which at the time (1975) winner was on the ballot. This fact triggered the explosion of anger and vindictiveness of the loser, Dr. PSC, which has criticized the dogs 'adversaries' political, leveled mainly against the black and brindle / dark Gust, mainly aimed at achieving some breeders who left São Paulo support him in his political ambitions. In 1978, surrounded by some fans and admirers, Dr. PSC Club founded a "dissident" and soon after began to publish a blacklist of dogs FB, including this list, unfair and random, several dogs, including the Orisha of the FB Kirongozi, FB Black brindle, taxing all dogs included in that list the accusation of "mestizos", regardless of himself, Doctor PSC, to be awarded (the Orisha) numerous times as the "A" (Best In Show), and even a these occasions, and sort it (the Orisha) in one of three opportunities as the "A" also featured on the scoresheet that it was one of exceptional quality FB, had no defects, had the correct temperament and was entirely typical. FACT that you can confirm through a historic photo of the moment of the awards, when he was presented by the Orisha "Young" (in season) Jether Garotti Benevides, Kennel Corumbá, photo shown on this site: http://www. filabrasileiro-dailha.com/9th_comandament.html where even listed just below, two more historical photos of the first two FB exported to Europe by Dr. .. PSC We ask then, what did change? Is that in a few years, the best FB in the opinion of the time then Judge, Doctor PSC called the Orisha Kirongozi, bastardizing it, an excellent carrier phenotype and typicality excellent, transformed, becoming a "mestizo"? What was the reason for this "change" in Orisha, something that would have given him to eat? Does he has passed near some mixed and there had been contracted the same "disease "????????????? Or is that "it was" mixed due to Mr. Achille Nogueira Filho, owner of kennel Kirongozi (creator of the Orisha) and Mr. Jether Garotti, owner of the Orisha do not have politically supported in the elections of 1975 to Dr. PSC.?? ??????????????

Another fact: Racial Fila Brasileiro Standard, published in 1946, whose senior author was Dr. PSC, consisted in the item Color: All colors and combinations are allowed. In solid color and striped are the common white markings on chest and throat, extremities and tail tip. Faults in the item, consisted on 1) disqualifying - ....................................... ........ White without any spot of another color. It should be noted that there is no obstacle or restriction against the black color (color unicolor) or against Tiger / Storm and its many shades. Then ask why the radical change of thought of Dr. PSC. about the existence and officers of the colors black, brindle / dark Burst? Is he really a scam until 1975 (claimed he knew nothing of dogs, and only knew it had four legs), after that, from 1975 to 1978, he became a Fraud "EXPERT" Master race and that FB lapse of time ??????? We also asked how you would have given this transformation totally "LAY" who only knew that a dog had four legs for after three years (1975 to 1978) has acquired all the knowledge you could cinotécnico to base as a Teacher for "taxing" the black and brindle / dark Gust as "unclean" in Race FB ????????????? Does this knowledge and transformation for IGNORANT OR LAY AND EXPERT MASTER would not have given the reason almost obvious "Vendetta" against those who failed him in his political ambitions ???????????? ??

Another FACT: In 1951, Dr. PSC, as the sole author signs a paper published in the Veterinary Journal "Our Dogs", where, among other things, that read: "The growing popularity of the Queue" buliu "with these our technicians. Today they run only between Fortunately, several "theories": a) the Fila "pure" is only the striped b) Yellow is also pure; c) The yellow is pure only when it has a black mask, d) Chest is white sign mixing e) The pure color requires the tip of the tail white. The traces of the muzzle and head, the position and shape of ears, eyes, chest, legs, proportions, texture of hair, position of the tail, back line, height, position of legs, temperament, none of this has the lowest value and importance . It all comes down to color. "" The TRUTH is that the queue comes in all colors. Since VI (Dr. PSC. Had seen, see with own eyes) specimens, perfectly typical, with all the breed characteristics, and in the following colors: a) dark-striped guava b) red brindle, c) white striped Red d) yellow buckskin, and) golden yellow; f) fawn g) brown; h) chocolate-brown; i) deep black jet j) gray-black slate, l) yellow-gray m) white; n) white with black spots, yellow, or bursts. And all of them would succeed in our exhibitions. " Therefore, before being thwarted in their political goals (in 1975), Dr. PSC also said that he had seen (witness the existence through their own eyes), he also said he had examined these issues (described in the colors above) and was considered typical, according to their own written words.

Another FACT: In 1976, in Brasilia, a congressman from Breeders FB establishes the Breed Standard According FB, containing very small change compared to the Standard First made in 1946, which shows almost 'perfection' of drafting, and writing the same cinotécnica Standard (1946), whose senior author was Dr. PSC, proving once again that he, Dr. PSC was diagnosed with extensive knowledge and know cinotécnico well before 1946.

Another FACT: Dr. PSC in 1978 after his defeat at the polls in 1975, tries to explain the many contradictions, and begins to claim that in 1946, 1951 and 1963 was entirely ignorant and knew nothing about dogs, who had only four feet. Does a Doctor, Lawyer, author of several technical articles for magazines, was a "FRAUD "???. And suddenly from 1975 to 1978, was lay and ignorant sages and teachers?? Does a brilliant lawyer, a doctor, a highly intelligent and educated person would be so irresponsible as to accept the enormous responsibility to make / write a pattern Racial make / WRITE numerous technical papers, without KNOW NOTHING? Just read any of the cited articles (authored by Dr. PSC) that the person will see that the author was too intelligent and technically dominated the subject, and you see that the First Racial Standard 1946 contained specific technical details of above average quality . Another FACT: You see that already in 1946 he thought the SKC (Santos Kennel Club) and their summaries of Specialized Exhibition cinotécnica he used terminology and showed a wealth of detail on the morphology of the dogs in his trial. Does it meet the summaries without knowing anything, and knowing that the dog had four legs?? Does he thought dog shows, knowing they had only four legs??

Another fact, interviewed an opportunity after 1976, and asked about the Prime Standard, said that was not ashamed to have it done (the First Racial Standard) as well as to criticize the second standard, approved in 1976, analyzed in very technical and knowingly, with some modifications which were not in agreement, we reaffirm all that first appeared in the Standard (1946). All this leads us to infer that he, Dr. PSC. Was a very intelligent person, very knowledgeable of the rules cinotécnicas as well, was an extremely controversial and bitter, the creators say that the German Shepherd from Santos, the which in 1960 wanted to Registrar / PA Affiliating a core with the SKC (Santos Kennel Club) and despite having all the required documentation and in order, Dr. PSC. did not want them to be admitted because of a personal quarrel with some of these "GSD". Since the SKC admitted to membership of that Division and Dr. PSC to "disaffiliate" from the Judge at SKC in view of this predicament. Analyze the behavior of Dr. PSC at this time and in others, and see that he was somewhat controversial and given the "surge" of anger and "revenge" and always wanted to impose their views, regardless of the opinion most are totally contrary to and against the facts.

Another FACT: In 1977, in an open letter, Dr CSP wrote: "Admitting come Fila Mastiff, Bulldog and the Bloodhound, the color black should be accepted, though, the fact that one of these races have had such color centuries ago, does not necessarily mean, that has managed to transmit it to the queue. However, the probability there is analog and not dismiss it without examination. Those who deny the black color in these breeds, or rather denied it, contradictory FOUND IN TURN, ACCEPT OTHER COLORS, also disputed by technicians. THE SUBJECT is uncontroversial. " FACT: He, Dr. PSC, including the known history of European breeds.

FACT: In 1978, approximately 300 Registered Queues in Brazil, only 2.33% of this total were the color black, which can be seen through the Book of the Genealogical Records Along CBKC.

FACT: On 10/07/1950, born, among other puppies, one black in FB Parnapuan, owned by Dr. PSC (Paulo Santos Cruz) and he records with the name of the Zombie Parnapuan Kennel Club in Sao Paulo under no. Initial Registration-1263 in the Book of Records filed with the Initial KCP CBKC, proving that even for Dr. PSC and the brindle color BLACK / Burst were already dark (as it always was) colors properly sheltered by the Breed Standard Queue Brazilian edited in 1946, but also by other Standards Fila that followed, ie the 1976 and 1984 (now in force).

FACT: From 1946 to 2008, or almost the end of 2009, the books of the SRG Service (Genealogical Records) CBKC / FCI show that the annual number of records in black QB ever, this time over the course of history recorded (63 years) exceeded the 3% of total records, maintaining a proportionality with very little variation, always less than 1% of variability proportionately speaking.

I speculate the following: 1) If the FB black were being produced in numbers that had grown proportionately unexplainable and suddenly, Lightly accused him of going next year and in 1978, the proportion or percentage of BLACK should not have exceeded in much the degree of 3% in the SRG Records FB CBKC? ? ? - 2) If this had been mixing with the race of the (German Mastiff) to produce the color black in the race FB as lightly accused in 1978 and next year, would not be logical also that the so-called "mixers" have interbred with AD FB FB to get more color: Golden (Yellow) and brindle / Gust, since these colors also were (and are) common in the DA? ? 3)

If, regardless of color, that there had been significant mixing with the breed of dogs, there would be FB Squad today in at least three or more deeply rooted in the fundamental characteristics of this race (DA) surfacing (if showing) usually in the Race FB, and these characteristics of DA such as size / length of muzzle equal to length of skull, ie cranium - muzzle = 1: 1, and / or scapula larger (longer) than the humerus, and / or brow not bulging, and / or parallel skull / muzzle, and / or narrow head from the front, and / or square muzzle, and / or high set ears, and / or long neck, and / or neck carried high / erected, and / or withers higher than croup, and / or dorsal line (top) higher than the croup, and / or ventral line / bottom and tucked up, and / or scapulo-humeral angle equal to or greater than 100 °, and / or legged round (cat feet), and / or angulation of the hindquarters (knee) lower than 140 °, and / or height of the male less than 80 cm, and the female less than 72 cm, and / or the skin of stick body (not loose), and / or absence of Pacing, and / or total lack of aggression?? 3) We question also the following: You did not notice that many of these features are typical and normal Race Race should appear on FB if they were based in fact these allegations in 1978 and / or next year, or if it was true that there were mixing the so-called "generalized "???? So because these characteristics of the DA are not being presented by Filas NOW ????? Then why do these "mixers" did not try to change the racial pattern of the Fila Brasileiro removing disqualifying faults such as: Croup lower than withers; absence of loose skin, absence of Pacing?? Or why not retired, or tried to withdraw, the Standard FB other faults such as: high-set ears, narrow croup, short upper lip, lack of dewlap above the maximum height, height greater than that of the previous depth chest, etc. .???????????

Another FACT: Only users knowledge, our late friend MINER, Dr. Procopio do Valle was the author of numerous books on medicine, especially on endocrinology, a field in which he was Specialized and Master, teaching in the Faculty of Medicine of the State of Rio de Janeiro , for many years. He was a person who was widely known in the medical field nationally, enjoying enormous credibility and concept for his honesty and resume, including having been a speaker even in other countries on this particular area (Endocrinology). He is the author of Great Book the Fila Brasileiro, l981 edition, which is one of the very few "masterpieces" on Race FB. His wife, Dona Carlota and her granddaughter still keep up a website on the FB black, say, in passing a very enlightening and informative site, whose address is: http://black_fila_br.sites.uol.com . br / and is very interesting because it contains numerous historical photos of dogs FB.

Another FACT only for knowledge of the users. Do not you think that the creation of FB following obeying solely Official Regulations and Standard CBKC / FCI would FAIL in the morphological analysis carried out by dissident Club??

Did you know we've had near past year alone (2008) about ten copies of FB from the creations of the so-called "official" who passed through morphological analysis in the "dissidents" and all were unanimously approved, contrary to the expectations of some farmers, including to this very party. Even a female FB that ever left in the item and Behaviour in our Specialized, confirmed the item featured in the exhibition of temper on the Club "dissident." As yet it also had the reverse, with some dogs FB creation of so-called "dissidents", and approved in our Specialized. Facts that would prove to many that, despite very small differences, the Squad shows generally be very similar and only source for genetic ancestors.
Another FACT: Compare the racial pattern of 1946, whose senior author was Dr. PSC, with the current Standard 1984 Racial and see and check that the central framework is the same and almost identical, this clearly demonstrates that the DR. PSC WAS ALREADY AN EXPERT IN KENNEL FROM BEFORE 1946.

I sincerely believe that the ancient progenitors of Fila, who followed, and some still follow, creating only comply with guidelines of the system that is properly OFFICIAL show dogs recognized by other countries, have committed a very serious strategic mistake. And this mistake was to leave unanswered the time to these accusations lightly, remaining silent and answered nothing. I believe that if they had organized and gathered together could sponsor equal "campaign / response" of disbelief that a few supporters of the theories promoted morbid. Would suffice to return to verbal abuse verbal abuse, which logically would be a lull. And especially should require that the PSC DOCTOR AND HIS FOLLOWERS fulfill the duty of every citizen to CIVIC GOOD AND HONEST WITH SPECIAL DR. ATTORNEY PSC, WERE (OR WAS) TO A POLICE STATION AND formal record is officially a CRIME REPORTING (misrepresentation), UNDER THE ADMISSION implicit and explicit SER (MS) LIAR (S) CONFESS (S) IN DEFAULT PROCEDURE THAT . Currently one of the most ardent admirers of Dr. PSC is trying to excuse the lack of this attitude of citizenship, claiming that "those times" the Judicial Police did not give importance to such cases because of political instability in which Brazil went through in the years after 1964. But they forgot to devise an excuse a little better, because this is a very feeble excuse, not a child of tender age could accept it because it was just the opposite, then the so-called "dictatorship," the Judicial Police worked much more closely and established much larger no. IP (police investigation) than in later times (the latest) and previous (older) and forgotten (this admirer of Mr. PSC) which is a crime defined in CPB (Brazilian Penal Code) that was in effect (and still is) since 1940, termed "misconduct" that would punish public officials who commit such an attitude, which is briefly: "Failure to perform any official act, or slow it down, to meet interest or personal feeling. And no Chief of Police would be so "innocent" or ignorant and descumpridor of his office, even when dealing with a complaint coming from a lawyer (doctor of laws), as in the case of Dr. PSC. Or did not know that Dr. PSC Chief of Police was (and is) Clerk and obligations of "office" is (and always has been) to establish the IP, take the depositions to take forward the statements, gather evidence, prosecute those responsible, to investigate any suspected illegal procedure, etc.., everything related to hypothetical crimes or misdemeanors of which criminal TAKE official knowledge, to provide the MP and Justice (Attorney General) of facts and evidence for legal purposes of "due process", trial, conviction, acquittal, etc. .??????????????

FACT: Neither Dr. PSC nor any of the supporters of "morbid theories" attended a police station to date, to file a formal complaint to the practice of "mixing", ie, the crime of perjury, practiced by one (or more) creator (s) affiliated FB (s) to the system cinofilia OFFICIAL, or affiliated with CBKC / FCI. Therefore, this fact alone, proves that there is no such thing as miscegenation was widespread in the Race FB and outside lightly released in 1978 and next year. Those charges were ever made lightly and irresponsibly by either fan of "morbid theories" as happens also in some other breeds of dogs in training, most of the charges for commercial purposes.

We list the various options to arrive at a conclusion between the most likely or more likely:

  1. Dr. Paulo Santos Cruz was a fraud and really knew nothing about dogs, which had only four feet until about 1978, rising thereafter to hold a very high knowledge cinotécnico. Within the analysis of FACTS seen that this was impossible because he was never in a FRAUD CINOTECNIA, has always shown great knowledge cinotécnico proven since 1946, when he was the senior author of the First Racial Standard FB, which framework is maintained until day current.
  2. Dr. Paulo Santos Cruz was an "EXPERT" in shows since well before 1946, since we have already analyzed the young and the adults who bought FB in various regions of Brazil and then resell them with some profit. This is the most logical and real chances so far. Conclusion wholly grounded in the facts and laws of the market (to buy and then resell, "merchant" must know the quality and potential value of the material or product you are buying, and should know in advance what the market value to resell with a profit after deducting all expenses).
  3. Dr. PSC addition to being an expert in shows, it was also in regard to race FB. Yes this hypothesis is closer to reality than before. Conclusion wholly grounded in facts.
  4. Dr. PSC was an "Expert" in shows and Race FB, but it was a very cordata and never let anger or hatred dictate their words or actions, and never, ever, at any time lie or distort the truth to attack political opponents. This hypothesis is in line with the truth to some extent, because from the moment one says that he does not get carried away by anger or hatred, nor lie to attack opponents, greatly escapes from reality, for just such to see the huge inconsistency of his statements over time. FB is an hour of every color, later the FB is very typical of many colors including, black and brindle / Burst in all nuances. Another time, after 1978 only the colors yellow and brindle is clear that they are "pure." Another example is duly registered, it was his, Dr. PSC, do not admit that the SKC accepted the membership of the PA Center for revenge and vengeance GSD. Conclusion fully supported by the facts.
  5. Dr. Paulo Santos Cruz, and very intelligent, an "expert" in shows and especially the Fila Brasileiro, a person was given the controversial and have "bursts" of anger, hatred and anger, triggering feelings of revenge opponents personal, political or after-work clubbers. Okay, finally we see a situation in which everything fits correctly. At the beginning he states that the FB has all the colors in sequence confirms that have personal items in there be no witness (interviews with the OWN EYES) FB of various colors: black, yellow, dark brindle, brown, white, etc.. and so on. , TYPICAL, finally, after 1975, when he, for defeat in his "political ambitions", turns away and begins to attack "enemies" politicians are using the most vulnerable part of these "enemies" which was the creation of FB, time when using his enormous prestige, tried by every means in their power to denigrate them, even if they hit a large part of breeders "innocent" that neither participated in the elections. Let us further assume, just to discuss about the various hypotheses, which he, Dr. PSC, and FB in EXPERT since 1946 and even well before, had obtained evidence or had witnessed the blending (mixing) of some FB with dogs dogs other breeds, such as SAGE ADVOCATE and he logically would go straight to a police station and report, including any evidence indicating. But he, Dr. PSC did not do NEVER, which obliges us to rule out his having seen even a creator of Fila hybridize committing the crime of the race, because if that had happened and he denounced a police station , the only option remaining and it is inferred that in this case, it would have coerced, or would have convinced the (s) hypothetical (s) of author (s) of the crime to go to the side of dissent at his side, lest it (Dr. PSC) denounce (s). It should be noted that this last hypothesis, namely that the PSC would have seen Dr. / witnessed or had evidence of creator (s) of the FB mixed race with animal (s) of other (s) Race (s) and ( s) would have coerced and Coapt to the side of dissent not to denounce it (s) in a police station also does not reflect reality, because all the dissidents who met very few breeders are honest especially with regard to creation. Therefore, with the evidence and facts, as well as reports of several breeders who knew old Dr. PSC, the hypothesis that we see as the most viable and most true is that Dr. PSC was a person with very intelligent, very knowledgeable of show dogs generally speaking and specifically Breed FB, however, was a very controversial and given to fits of anger and desire for revenge against political adversaries or personal, with each stage of its history it had versions different and even contradictory about creating FB as well as being a person with high ambitions for political power. Conclusion fully supported by the facts and supported by testimony from former creators of modern times Dr. PSC, which now no longer create.

Just so that it is reasonably well known and public: The CBKC at the time of the allegations through a newspaper, named and appointed a Commission of Investigation consisting of several renowned Cinofilia Judges, most without any direct connection with the creation of the Race FB, and this Commission, after hearing the work, after listening to people, even after requesting the PSC to Dr. statements and invite you to submit (s) prove (s) and that he had not received a reply, concluded that charges were the result of litigation and bad faith of the accuser and his followers. The CBKC also maintains a permanent Ethics and Discipline Committee to investigate and provide with respect to any case of violation or disobedience to the Code of Ethics and Discipline Cinofilia, and to punish any violation or disobedience to the various regulations and statutes, just to access the site: http://www.cbkc.com.br and prove that this procedure is continued until the present day, which demonstrates the intention of the hypothetical correição unjust acts in show dogs in general terms, both in creation and in the trial, awards, etc.)..

Let me also make clear and evident that I do not do these contrasts and questions for myself to be defending myself, because at the time of the accusations and dissent, I do not militant in the official show dogs, where only in 1992 and officially stepped into effective to purchase my first bitch (Juliet Tibaitá Brenda Lee) Fila Brasileiro with CRO, and earlier in the year 1982 or so, I had the possession of a bitch FB, named Taba, who even was the creation of a Kennel "dissent". I ask these questions and oppositions to have convinced me that these allegations are false and it is (and was) a "slog" Mercantilist and / or political. Attacking and accusing the competing commercial products do not sell "Pure," try to discredit the quality of our competition, misleading and deceiving the unwary and inexperienced candidates for acquisition of the first FB because these dogs will infer that the accusers are they "Pure "is that they are the best.

"The races do not exist in our minds because they are real, but because there are real in our minds." Authorship of the Doctor, Doctor, Geneticist and / Epidemiologist North American, Mr. Jay S Kaufman, USA.

Friends, visit: http://www.cienciaviva.pt/docs/artigos/artigos59.pdf and see a very interesting article, especially on page 12, "in fine", a passage which reads:

"Something I can say is that notions such as race are completely destroyed by the analysis of the genome. "From a genetic point of view, all humans are Africans - who either live in Africa or are in exile." The investigator concluded. Our African origin is verified by the fact that genetic diversity is higher in Africa than anywhere else in the world, .......... thinking about human waves of migration from that continent. In fact, a difference between us and chimpanzees is that we have evolved without major subdivisions were to occur. Stresses Pääbo. "This is because we are a species recently (in evolutionary terms) and because we have a tendency to migrate more than other mammals."

The notion of race takes yet another blow: can check. There are more differences between a Nordic blond also blonde and her neighbor who between them and an African. The sequencing of the human genome, therefore, will not bring major risks are increasing similarities between men. Other living beings appear highlighted.

Discrimination, Pääbo concludes optimistically "will have the opposite effect, because prejudice, oppression and racism feed on ignorance."

To be clear: The term race, as I'm tired of saying it is a "concept" that applies almost exclusively to domestic animals and that means that it is a "convention" (a tract, or an implicit agreement explicit) between creators (who is officially dedicated and customary to that mister or occasionally), and in the case of dogs, all duly registered with the Kennel Control Official body duly recognized by other countries (in the case of Brazil is that CBKC is affiliated to the FCI) and that dogs should obey rules {Standard Race Official that specific race, Manual of Structure and Dynamics CBKC enrollment (CRO) in SRG (Genealogical Registry Service) CBKC both breeders (parents of litter), behavioral and physical health, as mentioned in the book of the same race, etc..} in order to play and have their products (baby) duly recorded in Book of Official Records, will also be similar to each other and produce offspring like themselves (breeders) and each other .. CRO means the Registration Certificate of Origin, more popularly known as Pedigree. Therefore the term Pure Breed Dog Show is "CONSIDERED" (agreed) as one set of dogs similar to each other, all duly recorded in Book of Records Definitive CBKC SRG / FCI (in the case of Brazil), and, concomitantly, should be appropriate and consistent with the descriptions and the characteristics described by the Standard Journal of CBKC Racial / FCI Breed specific that must also meet the NGA (General Analysis) and MED (Manual of Structure and Dynamics) CBKC and can not have any feature described in the Standard Race Official Race that as disqualifying foul, and together present important proportions described in that Standard and narrated. In short, must be properly "fitted" in the description of that document.

A dog breed should be, throughout its existence official (registered), properly "refined" by the creators officers, who must follow rules issued by the governing body of creation, what is the CBKC / FCI (in Brazil) is therefore considered a race so much more "pure" the greater the time of "clearance" or official existence of that race, which is the existence REGISTERED.
The creators are the "pillar", the "Sustainer," "purity" of any race Race. In all matings, breeders should aim at improving Racial always looking to mate with their breeding sires that have "typicality" and physical and behavioral health, so they can get products (baby) totally typical, healthy and temperament appropriate to the functions that primitive race (regardless of that race being or not being used in this function). In the case of the Fila Brasileiro, the creator shall aim at typical young, healthy and temperament for functions and Cattle Guards. In light of what has been written, we can say that one breed of dog is so much more "Pure", the greater its official existence, because it was "accurate" longer.

Signer of this Note: The existence of a race animal can only be considered from the beginning of notary service (documented) where the animals were recorded in a book of records, which at first is a Book of Records or Secondary Home, and later (from a certain number of generations recorded in the record books or Secondary Home), records are made in a book of genealogical records DEFINITIVE controlled and supervised by an official controller. My question is: What is the consistency in charging stand as "Pure" Fila Brasileiro dogs that are not controlled by Genealogical Records Service CBKC / FCI, which is the Official Organ of Control Cinofilia Brazilian and hence be "hinting" cowardly and lightly that are not "pure" the Filas are properly controlled by CBKC / FCI and all inscribed in the Book of Genealogical Records DEFINITIVE CBKC with, at least, more than four generations of genealogical records, and the vast and overwhelming majority has more than ten generations genealogy records? There is only one explanation and answer - mercantile interest.

Note the authorship of this signatory. The person who transcribed the above article authored by Mr. "Pääbo," this article placed between the two solid lines dashed from side to side, was probably of Portuguese origin, I say this because of the spelling of certain words that obey grammatical rules that are common among the Portuguese co-brothers.

By using the site: http://www.sbmaonline.org.br/anais/iiipalestras/iiipeb23.pdf the article entitled: "In Breeding Goats and Sheep in Brazil - IMPORTANCE OF RACIAL STANDARD, written by Mrs. Veterinary Medicine, Dr. Adriana Mello Araujo and Mr. Veterinarian, Dr. Ahmed Aurino Simplicio, both linked to Embrapa Ceará read, among other things, the following:
The racial pattern guides the assessment of controlled animals in the record books going up, mostly by intervening records to obtain the classification of racial purity and usually is the responsibility of the creators, through associations and Registration Services Genealogy.

In the literature, race is defined as a set of individuals with genetic similarity and phenotype, CAN A RACE OF ANIMALS be grouped seen by the experienced observer. From a technical-scientific race determines the set of genes that are available to achieve genetic improvement, making your choice very important to the success of exploration in the context of agribusiness.

Besides being important for the orderly development of domestic production of small ruminants, the Standard and Racial studbook add, also, the commercial value of animals. It shows that often the business related to these parameters have proved profitable despite representing only a small market share, surpassing even his own income from the primary products derived from the exploitation of animals as sources of milk, meat and skins and wool. Hence, it creates a contrast It should be noted that these, in most cases, consider the control or the genealogical record final as a single element to make the selection of individuals at the expense of production components, such as the development of weight, sexual precocity, the scrotal circumference, the rate ovulation at puberty, the proof of performance gain weight, maternal ability, the total milk production, milk quality, among others. Undoubtedly, this approach may be hindering the development and sustainability of goat and sheep industry in the sense that they take their actual roles in agribusiness, and possibly worldwide.

Signer of this Note: Text very good and enlightening on the term "race" and the term "racial purity." Racial Purity is "obtained" through the long clearance time of racial, always obeying the criterion of mating only between animals of the same race and / or varieties that are registered and recorded in the Books of Genealogical Records Definitive official control systems that individual animal in our case (show dogs) to CBKC / FCI. In other words, we can never talk about racial purity if our dogs are not with at least more than eight generations of ancestors duly registered in the official books DEFINITIVE CBKC / FCI. And we can never speak of "racial purity" when dogs are not recorded in the Book of Genealogical CBKC / FCI and much less when these dogs are children of unknown parents and outside of any official control.

Note authored and signed by this author: If the supporters of theories of dissident Club really believes morbid theories, then what reason they all (without exception) record, or continue to register most of their pups Fila Brasileiro system CBKC / FCI .??????????????????

TO BE CONSIDERED THAT A PROSECUTION AND A FACT NOT A RUMOR, she needs to fulfill certain requirements, such as: In the case of accusation of a crime (action or omission under CPB - Brazilian Penal Code) it (a charge or imputation) should be formal, ie it must follow the legal rites, which are: (s) plaintiff (s) (s) must report to a police officer, if a police report and everything about the case, explaining the circumstances of crime, and identifying the author (s) (s) of alleged criminal act, the (s) control (s), evidence, etc.. as well as at the end of his report, which will translate to a term, shall sign this document. From there you can spend the indictment to be considered as a fact very likely to be true, the reason being that credibility is the fact that a charge from "formal", ie a term containing signed statements the accuser and reporting, which shall be described the supposed fact or criminal offense properly charged to someone {person (s)} with a reference to the circumstances and evidence, may, hypothetically, in case of failure to prove the existence of the fact, or evidence legal innocence of the alleged perpetrator, reverse on the accuser (libel, slander or defamation). Otherwise, that is, not to mention accusations / report to a Police Authority, the Authority or MP (Attorney General), or even a judicial authority (Judge), the report / complaint is merely a conversation "informal" and, of course, should be treated as a rumor, or an "untruth", or as a "gossip" or even as a "lie." The reason / motivation that causes a lot of false accusation and / or false is more or less obvious, such as lack of commercial competition, political dispute with a lot of lust for power, after-work clubbers disputes, commercial disputes (which is the dominant feature among the great creators of dogs), personal or family dissension, quest for notoriety through media coverage, etc.. etc. .. I ask you: Is that a skilled and talented lawyer, who was a highly intelligent person, who was considered a competent person and Advocacy Cinofilia, not knowing that the accusation of a criminal act, to take effect and efficiency, ie to produce results, should be formally made before a Commissioner of Police ????????????????? Or is he too was a FRAUD as a lawyer until the time of his death ???????????? Anyone who has any questions, no matter how small, see a lawyer about it. Besides all the above, I suggest yet another one for sanitizing step (s) worshiper (s) of Dr. Paulo Santos Cruz, who insist and insist on making nasty insinuations, in obstinate self titled owners of the "pure" , the "perfect", the "real", etc.., You (s) can (m), supported (s) in the Brazilian Constitution, join a lawsuit claiming the "cancellation" of the Registration Certificate of Origin (CRO- Pedigree) any dog breed Fila Brasileiro (or possibly even another race) that is suspicious, or even the "rectification" of that register, as has already occurred recently in the creation of another animal even here in Brazil, where there was a Term of Conduct Adjustment (TAC) between the MPF (Federal Prosecutor) and ABC__ (Brazilian Association of Breeders of XXXX), and the MPF to regulate the TAC proposed Regulation of the SRG (Genealogical Registry Service), where all copies of the genealogy considered "suspect" was investigated, as a precautionary measure to ensure the right of the people who had acquired the descendants of those very few copies "suspects." EXPLICIT it being up I would like some ancient pedigree of one of my dogs Fila Brasileiro object was "suspect" by a hypothetical lawsuit withdrawal or correction of registration, because this measure could definitely prove to the "unbelievers" , or rather "dissidents," the genealogy of my squad is very well controlled and correct or not. I commit to making all my dogs for the tests that are deemed reasonable and necessary for that purpose. Also ensure that all the other comrades of creating OFFICIAL Fila Brasileiro dogs that follow the official rules and regulations only system CBKC / FCI also engage. Now I have to note that if using the above suggested for dogs with pedigree breeding unofficial (not registered in the system CBKC / FCI), will be somewhat difficult because it is known that the system (s) (s) Parallel (s) using (m) dog (AES) of unknown pedigree and unregistered / controlled. Clarify that the creation of other species mentioned above, after the TAC and appropriate "cassafoes" and "corrections" was much better and free of any charge, which is why we consider the creator who initiated the lawsuit as an honest person highly , owner of a sincere and true love for the race that created and still creates, as it sought to correct small details through legal ways and not through frivolous and false accusations or "malicious innuendo" and mercantilist purposes. He was convicted of certain irregularities and how I wanted the good of Race and animal species, followed the path of righteousness that is the way of good people and not the path of the rumor mongers and frivolous. It was revoked the registration of a copy of that species and all their descendants, with the Federal Court imposed a high amount of monetary compensation to the affected animal's offspring buyers revoked. There is a statement in law that says something like: "Who should not, not fear." Therefore "We do not fear nothing." There are even legal provision for the cancellation of a Pedigree (CRO), the Regulations of the Registry Service Genealogical CBKC / FCI, when the object of FRAUD. Logically, the accuser can not make accusations lightly and false through e. mail or the internet, or newspaper, because it must do so formally, signing his conviction and indicating (s) prove (s) may exist (s) and forwarding the document to the correct destination (CBKC / FCI) or, follow the same path of that creator of another animal that entered a lawsuit asking for investigation by MP (Attorney General), otherwise, in not following these procedures, or have not received your "complaint" or her "boat". We invite, because (s) fan (s) of morbid theories of the late lawyer, former judge Cinofilia, former marketer of dogs, Paulo Santos Cruz, a JOIN (MS) with a lawsuit PROPOSING AN INVESTIGATION THROUGH THE MPF because if you do not (in), then to shut up (m) for all that is (are) doing a great service for the creation of Fila Brasileiro HONEST .. "I met and know many breeders Fila Brasileiro in Brazil and about more than one hundred Fila Brasileiro breeders have known, the vast and overwhelming majority of those belonging to the segment created solely by the official system CBKC / FCI (where the followers of dissent met only four breeders), never, ever any of them (both of the dissidents, as the "official") gave rise to any suspicion of fraud creation system Fila Brasileiro. Among the few dissidents who met him, I have to say that all were very correct with me, have shown evident in the creation of honesty and friendly and treated me kindly. Among farmers, say "official", I knew, they were far superior in number to ninety, I can say that only two left to be desired in the category "ethical" business (spoke ill of the dogs belonging to competitors), or competitive (NOT in FRAUD item creation), and both FORTUNATELY, have stopped creating. I did not see big differences between the two creators (dissidents and "official"), only seen very small and insignificant differences between the two squads, especially in terms of consanguinity. Since the dissidents enjoy an advantage propagandist / mercantilist Sloga of the call: "Pure Queue" which leads the unwary applicants to start on the creation of the Fila Brasileiro to be naively drawn. This "Mantra" is a huge strength of mercantilism, whose merit must be authored by Dr. PSC. It should be stressed that the Squad FB dissidents have met is very small in number so we can make a quantitative assessment more accurate in comparison, however, enjoyed more than an extremely high number of dogs of "official" compared to the dogs " dissidents, "but then again, I met very few dogs" dissidents ", mostly over the internet.

"Everyone, regardless of nationality or anything else that witnessed / witness an act (action or omission), or become aware of an act that is supposed crime (crime or misdemeanor) can (moral and civic" SHOULD ") attend as soon as possible to the nearest police station and report the event to the Chief of Police, who "craft," MUST MUST take appropriate legal action. "

  • "There is no effect without cause."
  • "Do not be alone, stay SPFB partner."
  • "The more we are, the more we listened to."
  • "We should not run after butterflies, we must take care of our garden to attract them to us."
  • "The colors: yellow, black, brown, red and brindle / Storm are the colors available and officers listed in the Official Standard Racial Fila Brasileiro."
  • "The officers also translates Official recognition by other countries, including the recognition by the FCI. The underground is a step towards illegality. Plagiarism is a way to prove himself as incompetent and is also an attempt to mislead / deceive innocent. "
  • "If you want color, to create roses." Authored by Dr. Paulo Santos Cruz.
  • "The optimistic dreams, the pessimist complains and accuses the incompetent competitors, the realist holds."
  • "Who does not have jurisdiction, has not been determined."
  • "We are not against the liars, we are against the lie or half truth."
  • "There are several types of" blindness ", a look that physically blocks the view, the ideology that prevents understanding or comprehension of another ideology (religious, social or political) that do not own, out of interest (commercial, monetary or order otherwise) that prevents the acceptance of factual events contrary to their interest or their beliefs, and also the blindness of ingenuity, which believes in everything and everyone and never suspects, etc... "
  • "The blind as those who will not see." Brazilian popular saying.
  • "I have to say that my BF is the best, I have to PROVE that he is the best."
  • "That creates Fila Brasileiro is doubly Brazilian."
  • "He contradicts himself several times at different times, can not earn credibility unrestricted."

Friend maker Fila Brasileiro be sure to support the PMG (Genetic Improvement Program), DEP (Expected Progeny Difference) and the progeny test as soon as they are available to the FB, and support the SPFB (Sociedade Paulista Fila Brasileiro) and the whole system Cinofilia Officer who is recognized by all countries affiliated to the FCI (Federation of International Cinofilia) based in Belgium.

.Access the site: http://www.fci.be.com Racial and read the Standard FB (current) in German, French or English, to access the site: http://www.cbkc.com.br and read the Racial Standard FB in Portuguese (spoken in Brazil) or Spanish, visit: http://www.spfilabrasileiro.com.br and read the Standard Fila Brasileiro commented by experienced breeders and judges Specialized; access the site: http://www.canildosertao.com and read the Prime Standard of the Fila Brasileiro authored by Dr. Paulo Santos Cruz and Mr. Erwin Waldemar Rathsam and John Ebner, and confirm the existence and officers of the colors black, brindle / dark Gust since the dawn of creation of Fila and read other articles of relevance to the Fila Brasileiro.

The question that begs: IF THEIR DOGS ARE 'PURE' OUR AND THEREFORE ARE NOT, THEN WHAT IS THE REASON THAT HYPE OUR DOGS AGAINST INTENSE? Someone explain to me? Is it a fact that they have THE REVENGE OF THE REGISTER OF CBKC SRG / FCI in order to export to another country? THEY WILL NOT SEE THAT denigrate CBKC / FCI is to shoot yourself in the foot?

Sat waiting for real proof of the absence, or not officers or Burst color BLACK / dark brindle dog race in the Fila Brasileiro.

Bibliography: The Big Book the Fila Brasileiro, 1981 edition; Racial Patterns of FB, 1946, 1976 and 1984, MED (Manual of Structure and Dynamics) CBKC (Brazilian Confederation of Cinofilia) Brazilian Penal Code, 1940; Regulation Para os Juízes da CBKC/FCI; Código de Ética e Disciplina Cinófilo da CBKC/FCI; Padrão Racial do DA (Dogue Alemão); Regulamento do SRG (Serviço de Registro Genealógico) da CBKC/FCI e vários artigos divulgados na internet que já foram citados ao longo de todo o texto.

São Paulo, 04 de Dezembro de 2009.
Virgílio De Martella Orsi.
Juiz de Fila Brasileiro e dos grupos I, II, IV, V, VIII e X da CBKC/FCI.
Canil Vale do Aricanduva /SP / Brasil

Articles

read more

New Litters

Please visit to know more

Photo Gallery

To view our photo gallery

Dogs Club

Please visit to know more